Rui libera R$ 36 milhões para investimento em universidades; greve continua

terça-feira, abril 09, 2019
Governador em reunião com reitores de universidades (Foto: Divulgação)
Após professores de três das quatro universidades estaduais da Bahia terem declarado greve por tempo indeterminado na última quinta-feira (4), o governador Rui Costa determinou a liberação imediata de R$ 36 milhões para investimentos. O anúncio foi realizado na noite desta segunda-feira (8), durante reunião com os reitores Evandro do Nascimento Silva (Uefs), Adélia Maria Pinheiro (Uesc), Luiz Otávio Magalhães (Uesb) e José Bites de Carvalho (Uneb). Cerca de 40 mil alunos da Uesb, Uefs e Uneb estão sem aulas por conta do anúncio da greve, que foi motivada por falta de investimento nas unidades. Coordenador da Associação de Docentes da Uefs (Feira de Santana) e do Fórum das Associações de Docentes, que representa os professores das quatro universidades estaduais, o professor André Uzeda foi informado sobre a decisão do governador pela reportagem do CORREIO. Ele afirmou que a greve será mantida até quarta-feira (10), quando uma assembleia está marcada.