Era de Ipiaú a família encontrada morta em SP após usar churrasqueira para se aquecer


Foto Reprodução/Facebook

A família encontrada morta dentro de uma casa em Guarulhos, na grande São Paulo, na madrugada dessa quarta-feira, 10, morou anteriormente em Ipiaú. Uildes  Lima Moreira, de 27 anos, a esposa Gilmara e o filho Breno, de 2 anos, foram encontrados mortos após o proprietário da casa onde a família estava residindo acionar a polícia. A família alugou a casa há cerca de um mês e desde o último domingo (07) estava fechada, sem movimento, mas com as luzes acesas.

Foto: FolhaPress

Ao entrarem no imóvel na Rua Piauí, no bairro Bonsucesso, os policiais não encontraram sinais de violência, mas viram uma churrasqueira acesa. Uildes estava deitado na cama com a criança, e a mulher estava deitada no chão, ao lado. De acordo com as informações iniciais, a polícia suspeita que os pais acenderam uma churrasqueira dentro do quarto para espantar o frio. A perícia irá determinar a causa das mortes. Conforme relatos de pessoas que conheciam o casal,  os pais deles ainda residem no Sítio do Pica Pau e bairro Euclides Neto, em Ipiaú. Os corpos devem chegar em Ipiaú ainda essa semana. Apesar de ser natural de Itagibá, Uildes morou a maior parte da vida em Ipiaú. Já Gilmara nasceu em Ubatã, mas se mudou com a família para Ipiau ainda pequena. (Giro Ipiaú)

Leia também: Família encontrada morta dentro de casa em Guarulhos será sepultada em Ipiaú