Bahia recebe 30 mil doses de vacina pentavalente; Sesab diz que quantidade é insuficiente para estado


A Bahia recebeu 30 mil doses da vacina pentavalente, que protege contra difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e contra a bactéria do influenza tipo B. De acordo com a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), as doses não são suficientes para a demanda. A vacina na rede pública tem como público alvo bebês, que devem tomar três doses, aos 2, 4 e 6 meses de vida. Desde setembro que a vacina estava em falta no estado.

A Sesab detalhou que a demanda ideal seria manter um estoque de 198 mil doses para a vacina, para que sejam garantidas três ampolas por sala de vacina durante 22 dias do mês. Em setembro, quando o abastecimento da imunização ficou comprometido, a secretaria informou que 120 crianças aguardariam as vacinas em outubro.