Projeto Biofitos será implantado nas escolas da Zona Rural de Ipiaú


A Prefeitura de Ipiaú , através das Secretarias de Educação e Agricultura e Meio Ambiente (Seama), estabeleceu uma parceria com a Ceplac para implantar neste município o Projeto Biofitos de Plantas Medicinais que objetiva oferecer mais oportunidade para prevenção e cura de doenças através da fitoterapia, ou seja, da utilização das plantas medicinais existentes na região, especialmente aquelas encontradas no sistema da cabruca.

A parceria com o órgão federal foi firmada na manhã da última quinta-feira, 10, estando representando o município de Ipiaú, os secretários Polenandro Silva, da Seama, e Alan Marcio Vitorino, da Educação e Cultura, juntamente com a Supervisora Municipal das Escolas do Campo, professora Maria do Carmo Santos Silva (Carminha). Na próxima semana, em data ainda a ser definida, o projeto será oficialmente implantado em Ipiaú.

Inicialmente serão contempladas as escolas municipais Euclides Neto, localizada na Fazenda do Povo, e Ivone Vieira, na região do Guloso. Depois ele se estenderá até outras unidades do interior do município, incentivando os alunos a reconhecer as práticas populares e tradicionais de uso de plantas medicinais e remédios caseiros. O projeto também visa promover a inclusão da agricultura familiar nas cadeias e nos arranjos produtivos das plantas medicinais, insumos e fitoterápicos.

O Coordenador do Projeto Biofitos, Evaldo Costa Batista, da Ceplac, explica que o projeto surgiu a partir de inúmeras pesquisas que são realizadas na Ceplac e cujo objetivo é oferecer mais oportunidade para prevenção e cura de doenças através da fitoterapia. “A nossa biodiversidade presente tanto no bioma Mata atlântica como na Cabruca é um tesouro medicinal que precisa ser conservado, para conseguirmos a garantia de uma qualidade de vida melhor para todos”. (José Américo Castro/Dircom Prefeitura)