Acusado de matar vendedor de lanches em Ipiaú é preso após abordagem policial em SP


Moisés foi preso durante abordagem da ROTA.

Moisés Moura da Silva, acusado de matar a facadas o vendedor de lanches Josenel Santos de Queiroz, conhecido como “Nel” (ver matéria), no último dia 11 de outubro, foi preso na manhã dessa sexta-feira (25), na cidade de São Paulo. Moisés foi abordado por uma guarnição da Rota na Rua Delmira Agustini, Jardim Lourdes, na zona sul da capital paulista. Durante a abordagem, nada de ilícito foi encontrado com Moisés. Ao ser questionado se já possuía passagens, ele teria confessado o crime praticado em Ipiaú.

Crime foi registrado no dia 11 de outubro.

Contra Moisés já havia sido expedido pela Comarca da Vara Crime de Ipiaú, um mandado de Prisão Temporária. Após ser contactado pela PM de São Paulo, o delegado Rodrigo Fernando confirmou o caso e enviou o mandado, sendo cumprido pelos policiais militares. O delegado informou que irá pedir que o mandado seja convertido em prisão preventiva e que o acusado seja recambiado para a Bahia.

Moisés é acusado de matar Josenel.

Moisés se apresentou na delegacia de Ipiaú quatro dias após o assassinato (ver matéria). Acompanhado de uma advogada, ele foi ouvido e liberado, já que estava fora do flagrante e era réu primário. O mandado de Prisão Temporária foi expedido três dias depois, mas o mesmo já não foi mais encontrado na cidade. Ele responde pelo homicídio contra Josenel e tentativa contra Elilma Santos Oliveira.