Ipiaú: Polícia Civil divulga elucidação de homicídio no São José Operário


Foto: Giro Ipiaú

O Delegado da Polícia Civil de Ipiaú, Rodrigo Fernando, divulgou na noite dessa quinta-feira (26), por meio de um informativo, a elucidação de um homicídio ocorrido na última sexta-feira (20), no bairro São José Operário (ver aqui). A vitima, Felipe Souza Ferreira, apelidado de Pipoca, foi executado a tiros em via pública. De acordo com a Polícia Civil, a motivação do homicídio está ligada as facções que disputam o tráfico de drogas.

O delegado explicou:  “A vítima era envolvida com o tráfico de drogas, com passagem pelo Complexo Penal de Jequié e, segundo foi comprovado pelo Setor de Investigação, vinha postando nas redes sociais ser da Facção Tudo 3 e com provocações ao grupo rival Tudo 2”, disse Rodrigo Fernando. Ainda segundo o delegado, o crime foi praticado um jovem de 22 anos, beneficiado pela saída temporária, decorrente da pandemia provocada pelo covid-19. O suspeito do homicídio responde pelos crimes de tentativa de homicídio, roubo e tráfico.

Rodrigo Fernando deu mais detalhes da investigação. “O Setor de Investigação da Delegacia Territorial de Ipiaú vinha monitorando informações sobre um homicídio que estaria para ocorrer na cidade, onde os alvos seriam dois indivíduos da mesma família, ambos envolvidos com o tráfico, integrantes de uma facção rival, que, assim como o autor, se encontram soltos em razão do benefício da saída temporária. Cabe salientar que um desses indivíduos já tinha sido vítima de tentativa de homicídio em novembro de 2018, tendo como autor do crime à época, a mesma pessoa aqui acusado. Os alvos do referido criminoso não foram localizados naquele dia, e, por ironia do destino, na Rua São José Operário, transitava a pessoa identificada como Felipe Souza Ferreira, Vulgo Pipoca, o qual foi reconhecido pelos meliantes por suas publicações nas redes sociais fazendo apologia a uma facção oposta àquela dos criminosos, os quais utilizando da frieza costumaz executaram Felipe ao encontrá-lo. Após investigações e diligências, o Setor de Investigação da Delegacia Territorial de Ipiaú conseguiu o identificar o autor dos disparos como sendo M. R. Dos S. Assim sendo, a autoridade policial protocolizou Pedido de Prisão Temporária em face do acusado, cujo nome e imagem estão sendo resguardados em razão da Lei de Abuso de Autoridade”, comentou o delegado.