Vitória da Conquista: Prefeito mantém comércio fechado e torna uso de máscara obrigatório


Foto: Reprodução

Em edição extra do Diário Oficial neste domingo (19), o prefeito de Vitória da Conquista, Hérzem Gusmão (MDB), prorrogou por mais sete dias a suspensão do comércio, varejo e atacado, da cidade, e de locais de prestação de serviço. Além disso, o funcionamento de shopping centers também foi suspenso por mais uma semana, ficando permitido somente o funcionamento de mercados e farmácias localizados no interior desses estabelecimentos.

O prefeito de Vitória da Conquista também determinou que a partir do próximo dia 23 toda a população use máscara para sair às ruas, entrar em agências bancárias e usar o transporte municipal. Segundo o decreto, “os estabelecimentos deverão proibir a entrada de consumidores ou de usuários do serviço essencial que não estejam utilizando máscara, sendo o estabelecimento responsável por esse controle”.

“Os fiscais do município deverão advertir a todos os cidadãos que estiverem na rua sem a máscara da eficácia dessa medida para reduzir os índices de disseminação da doença, bem como dos riscos a saúde própria e de toda coletividade derivada da não utilização desse equipamento de proteção individual”, completa. A obrigação do uso de máscara foi tomada inicialmente em Salvador, anunciada na semana passada pelo prefeito ACM Neto.