Justiça determina bloqueio de bens do prefeito Sérgio da Gameleira


Foto: Divulgação

O prefeito de Jequié, Sérgio da Gameleira, que na noite de terça-feira (16), teve aprovado na Câmara Municipal, o seu afastamento do cargo pelo período de 90 dias, sofreu um novo revés na tarde desta quarta (17), após decisão da Justiça da Bahia, em acolhimento a Ação Civil Pública promovida pelo Ministério Público Estadual, do pedido para a indisponibilidade de seus bens pessoais ou familiares na ordem de R$ 7 milhões. A ação promovida pelo MP-BA leva em conta prejuízo de mais de R$ 41 milhões causado ao IPREJ pelo prefeito municipal. Cabe recurso na decisão. *Jequié Repórter