Bahia: Cadeirante aparece como contratado por prefeitura para a função de pedreiro


Cadeirante também possui atrofia das mãos.

Jefferson dos Anjos Santos é morador de Barra do Mendes, cadeirante, possui atrofia das mãos e recebe auxílio previdenciário há mais de 10 anos, por impossibilidade de trabalhar. Entretanto, aparece como contratado pela prefeitura, para atuar como pedreiro em obras de recuperação do calçamento no povoado de Antari. Como isso é possível? A prefeitura do município tem muito o que explicar. Segundo documentos adquiridos e relatos recebidos pelo Bahia Notícias, ele integra, desde 2016, uma lista de pelo menos 39 funcionários fantasmas contratados pela prefeitura barramendense. Um levantamento inicial aponta que mais de R$ 372 mil podem ter sido desviados dos cofres públicos do município.

Por conta disso, Jefferson precisa lidar diariamente com piadinhas de outros moradores da cidade. “Trabalhei em 2004 para a prefeitura, mas nunca para essa gestão. Nunca nem fui ao prédio da prefeitura. Meu irmão entrou no portal da transparência e descobriu pagamentos de até R$ 3 mil. É uma situação constrangedora. Na rua, fazem gozação comigo. Pedem para eu construir algo ou pintar uma parede. Essa situação ainda pode prejudicar o recebimento do meu INSS”, declarou ao Bahia Notícias. Leia mais…