Índio Ferreira será o técnico do Colo-Colo na Série B do Baianão


Índio dirigiu o Doce Mel nas últimas rodadas da Série A.

Índio Ferreira irá comandar a equipe do Colo-Colo de Ilhéus na disputa do Campeonato Baiano da Série B em 2020. Índio dirigiu nas últimas rodadas do Baianão a equipe do Doce Mel, livrando o time do rebaixamento. Na última quarta-feira (19), as duas equipes fecharam uma parceria. O “Tigre” vai receber nove jogadores do clube de Ipiaú, além de auxílio para a logística da equipe durante a disputa do certame.

Ao Bahia Notícias, o vice-presidente do Colo-Colo, José Carlos Oliveira, mais conhecido como Zé Cacá, pontuou: “Foi uma parceria concretizada com o Doce Mel que disponibilizou nove jogadores da equipe principal que jogaram a Série A do Baiano. Eles renovaram por mais um ano garantindo para a primeira divisão de 2021 e isso facilitou a liberação dos atletas para ficarem na ativa participando de uma competição (…) Não vamos usar a estrutura deles, porque vamos manter nossos trabalhos aqui. Mas o meio de transporte também ficou disponível para a gente que é o ônibus do Doce Mel”, explicou.

Zé Cacá ainda garantiu que a chegada do treinador Índio Ferreira não tem a ver com a parceria. “Independentemente da parceria com o Doce Mel, a gente já tinha contatado Índio. Coincidentemente vai facilitar o trabalho, porque ele concluiu a Série A com o Doce Mel. As quatro partidas dele nos chamou atenção e ele entrou na nossa lista de treinadores”, disse. Índio confirmou a coincidência. Ele revelou que, durante as negociações com Tigre, foi pego de surpresa ao saber da parceria entre as duas diretorias. *Com informações do Bahia Notícias