PRF e INEMA deflagram Operação Castanheira em fazendas na região de Jequié


Foto: Divulgação/PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em ação conjunta com o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (INEMA) desencadearam mais uma etapa da operação Castanheira que teve como objetivo o combate ao tráfico de animais silvestres, coibindo a criação ilegal desses animais com ações pontuais em fazendas situadas às margens da BR 330, na zona rural de Jequié. Durante as atividades os policiais visualizaram uma certa quantidade de aves em cativeiro, o que motivou a inspeção e vistoria dos imóveis. Ao todo foram resgatados 04 canários da terra e 01 papa-capim.

Nas incursões, além dos pássaros foram apreendidos apetrechos utilizados na captura dos animais como arapucas e armadilhas. Um homem foi preso em flagrante delito por crime previsto no Estatuto do Desarmamento e a ocorrência foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil, para registro do fato e procedimentos cabíveis. Foram apresentados o seguinte material apreendido: Quatro espingardas de fabricação artesanal; uma espingarda calibre 12; duas redes de pesca (malha fina); duas tatuzeiras; uma arapuca; um viveiro; uma pele de veado e cinco rádios de comunicação,

Os responsáveis pela criação e aprisionamento ilegal foram identificados e cada um, assinou o Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e responderão na Justiça Criminal por suas condutas praticadas contra o meio ambiente. Foram lavrados 03 (três) TCOs e promovida ação de conscientização e educação ambiental. A PRF atua na fiscalização ambiental do transporte de produtos e subprodutos florestais, da fauna, de agrotóxicos e de recursos minerais. Destacam-se no contexto do estado baiano, as ações relacionadas ao tráfico de animais silvestres tanto pelo fato da Bahia apresentar uma grande diversidade da fauna brasileira como pelo fato do estado ser a principal rota entre a região Sudeste e os demais estados do Nordeste.