Alípio Oliveira quer impugnação das candidaturas de Maria e Deraldino


Alipinho é candidato a prefeito de Ipiaú

A Coligação ‘Por Ipiaú Pela Mudança’, integrada pelos partidos MDB, PDT, PSL e PRT, que tem como candidato a prefeito Alípio Oliveira, ingressou na Justiça Eleitoral da 24ª Zona, os pedidos de impugnação das candidaturas de Maria das Graças (PP) e Deraldino Araújo (DEM), principais concorrentes do empresário no pleito eleitoral. Ao que parece, o prefeiturável do MDB busca um caminho mais fácil para sentar na cadeira de chefe do executivo municipal. Na última sexta-feira (02), a mesma Coligação já havia pedido a impugnação da candidatura de Robson Cardoso, candidato a vice-prefeito na chapa do ex-prefeito Deraldino (ver aqui).

Coligação pede impugnação das candidaturas de Maria e Deraldino.

Dentre os processos registrados e apresentados pela Coligação ‘Por Ipiaú Pela Mudança’, em desfavor de Deraldino, está o de nº 73194-10, relacionado uma denúncia apresentada pelo ex-vereador José Andrade Mendonça, tendo sido julgado pelo TCM no ano de 2013, o que motivou a impugnação, já que para a coligação adversaria, o candidato está inelegível pelo prazo de 08 (oito) anos em decorrência a decisão do processo, que reconheceu a pratica de atos de improbidade, prejuízo ao erário, fraudes em licitação, além de determinar o ressarcimento do valor de R$ 19.929,05 a época.

Já em relação a candidata Maria das Graças, a Coligação justifica o pedido alegando que a mesma foi condenada em uma denúncia formulada pelo Vereador Erivaldo Carlos, no TCM, em 04 de agosto de 2020, aduzindo a coligação requerente que seu nome não foi incluso na relação de inelegíveis do TCM em razão da apresentação de um recurso apresentado pela candidata.

No entanto, a Coligação do candidato Alípio Oliveira, afirma que o recurso foi julgado no último dia 23 de setembro de 2020, sendo mantida a condenação, por burla a concurso publico e a lei Municipal 1.855/2007, tendo a gestora na época ignorado e descumprido recomendação expedida pelo próprio Ministério Público.

As impugnações podem ser acompanhadas através da Justiça Eleitoral, nos processos 0600331-13.2020.6.05.0024 (Maria das Graças) e 0600147-57.2020.6.05.0024 (Deraldino). Caso sejam julgadas procedentes as impugnações, os candidatos terão seus pedidos de registro de candidatura indeferidos e ficarão de fora das eleições do dia 15 de novembro de 2020.