Adolescente de 17 anos mantêm jovem e filha em cárcere privado durante 5 meses


A jovem está internada com ferimentos pelo corpo.

Joanina Barbosa, de 22 anos, e a filha dela, de 7 anos, foram mantidas em cárcere privado durante cinco meses em Caravelas, cidade do extremo sul da Bahia, por um adolescente de 17 anos, companheiro da jovem. O caso só foi descoberto no início deste mês. A jovem está internada ferimentos pelo corpo, após ser agredida pelo suspeito. Segundo a família, além do cárcere, a jovem era agredida por diversos objetos como cabo de vassoura, fio e até uma barra de ferro. Ainda segundo familiares, o motivo das agressões teria sido ciúmes.

“Proibia de ir na casa de meu irmão. Tinha medo de ele fazer alguma coisa com minha cunhada e meu irmão. Aí não deixava a menina sair mais. Ela se tornou prisioneira. Ela e a filha estavam sendo mantidas em cárcere privado”, contou Ivoneide Santos Barbosa, mãe da jovem.

A família contou ainda que a filha de Joanina, de apenas sete anos, também era espancada. Não há informações sobre o estado de saúde dela. O caso só foi descoberto no início deste mês, depois que Joanina conseguiu pular da garupa da bicicleta que era conduzida pelo adolescente. Apesar de sair do veículo, a mãe da jovem conta que o adolescente conseguiu dar vários golpes em Joanina com um facão. *Com informações do G1