Prefeito eleito de Goiânia, Maguito Vilela morre por complicações da Covid-19


Foto: Divulgação

Eleito e já empossado, o prefeito de Goiânia, Maguito Vilela (MDB), veio a óbito nesta quarta-feira (13), aos 71 anos. Ele estava licenciado do cargo, já que estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Albert Einstein, em São Paulo, tratando complicações decorrentes da Covid-19.

Como a diplomação ocorreu antes, o vice-prefeito eleito, Rogério Cruz (Republicanos), deve assumir a prefeitura da cidade de forma definitiva. O óbito foi confirmado pelo secretário de Comunicação da capital goiana, Bruno Rocha Lima, que disse que a “família está providenciando o traslado do corpo de São Paulo para Goiás e ele deve ser sepultado em Jataí, sua terra natal”.

O G1GO lembra que Luiz Alberto Maguito Vilela foi diagnosticado com coronavírus no último 20 de outubro, quase um mês antes do primeiro turno da eleição. Dois dias depois, ele foi internado num hospital de Goiânia até que no dia 27 daquele mês o político já tinha 75% de inflamação nos pulmões e um alerta para o nível crítico e saturação do oxigênio no sangue. Diante desse quadro, ele foi transferido para o hospital de São Paulo, onde foi entubado três dias depois.