Desaparecidos após explosão de casa de venda de fogos são achados mortos


Foto: Divulgação

Duas pessoas que estavam desaparecidas nos escombros após a explosão de uma casa de venda de fogos de artifício em Crisópolis, cidade a cerca de 212 Km de Salvador, foram achadas mortas nesta quarta-feira (14). A informação foi confirmada pela Polícia Civil e Corpo de Bombeiros. De acordo com a polícia, as vítimas foram identificadas como Ebervan Souza Reis, de 49 anos, Fernanda Santana Batista, de 35. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, além dos dois óbitos, outras três pessoas foram resgatadas dos escombros com vida.

A polícia ainda informou que o local também funcionava como uma fábrica clandestina e que um dos proprietários do estabelecimento foi preso por equipes da Delegacia Territorial (DT) de Crisópolis e da 2ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Alagoinhas). Conforme informações preliminares do coordenador do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Ivan Paiva, ao menos 10 pessoas ficaram feridas. Entre elas uma adolescente de 13 anos, que foi transferida para o Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador. Não há detalhes do estado de saúde dela. *Com informações do G1