Morre aos 93 anos o percussionista e organizador de charangas Américo Pintor


Foto: Arquivo Familiar

Aos 93 anos, faleceu às 11hs10min dessa terça-feira, 12 de maio, o pintor de paredes Américo Oliveira da Solva, que era mais conhecido como “Américo Pintor” e fez história tanto pelo excelente manuseio com os pinceis, mas também como percussionista, organizador de charangas que animavam torcidas e campanhas políticas. Ele foi vitima de um câncer de próstata. O sepultamento ocorreu às 14 horas do mesmo dia da sua morte, no Cemitério Jardim da Saudade II.

Fervoroso torcedor do Vasco da Gama.

Américo Pintor deixa viúva, dona Lurdes Barbosa da Silva, e nove filhos: Antonio Carlos (Gringo) Marlene, Maria Angélica, José Américo, Marilí, Ailton, Jailton, Jailson (Solteiro) e Marília, além de 22 netos, 15 bisnetos e um tataraneto. Tranquilo, festeiro, criativo e bom amigo, Américo era natural de Ipiaú, residia na Avenida São Salvador, torcia para o Vasco da Gama e para o Esporte Clube Bahia e tinha devoção por São Roque, padroeiro da comunidade católica deste município.

Em charanga nas campanhas eleitorais.

Nos períodos carnavalescos reforçava a percussão da Banda Joedson e nas campanhas eleitorais estava sempre animando o “pé de palanque” de alguma facção política, embora tivesse preferência pelo velho MDB de Euclides Neto e Hildebrando Nunes Rezende. Era sogro do saudoso ex-vereador João Manga. Sua charanga também fazia a festa na arquibancada do Estádio Pedro Caetano, incentivando a Seleção de Ipiaú nas disputas do Campeonato Intermunicipal de Futebol.

Massagista do lendário time do Independente.

Senhor dos pincéis, Américo não se limitou à pintura de paredes. Desenhava letreiros e tinha momentos de designer e publicitário. Alguns nomes de estabelecimentos comerciais da cidade, a exemplo das lojas “Casa das Tintas” e “Casa Avenida”, além do restaurante “Miras Bar”, foram sugeridos por ele que assim aliava conhecimentos de comunicação e marketing. Lutou contra o câncer enquanto pôde. Suportou a dor sem perder a ternura e a serenidade que sempre lhe caracterizou. Agora, na tela do abstrato, deve está conhecendo os mistérios da vida. ( Giro/ José Américo Castro),

Morre em Salvador o médico ipiauense Luiz Andrade


Foto: Arquivo Familiar

Faleceu às 22 horas de sábado, 25 de abril, no Hospital São Rafael, em Salvador, onde se encontrava internado em decorrência de complicações cardíacas, o médico Luiz Alberto Gonçalves Andrade, 64 anos, natural de Ipiaú, membro de uma família tradicional desta cidade. O corpo será cremado neste domingo, 26. Luiz era casado com Maria Auxiliadora Alagia Andrade (Lilia) e deixou três filhos: Virgílio, Luisa e Alexandre.

Graduado pela Escola Bahiana de Medicina, com especialidade em otorrinalaringologia, ele também atuou como médico legista, inclusive tendo exercido o cargo de Coordenador Regional do IML – Instituto Médico Legal de Eunápolis, além de médico socorrista do SAMU.

Sua trajetória profissional teve inicio em Ipiaú, com um consultório na Rua Floriano Peixoto. Foi diretor do Hospital Geral de Ipiaú (HGI) e clinicou na Fundação Hospitalar. Não cobrava consultas daqueles desprovidos de recursos econômicos. Era muito querido neste município. Algum amigo de infância lhe apelidou de “Luiz Drácula” e assim ficou conhecido por muitos que tinham proximidade com ele.

Luiz militou na política ipiauense como apoiador da diversos candidatos a prefeito, entretanto, foi em Eunápolis que arriscou a disputar um cargo eletivo. Nas eleições de 2016, concorreu ao cargo de vice-prefeito pelo PSDB, em uma chapa encabeçada por Cordélia Torres -PMDB-, esposa do ex-prefeito Paulo Dapé.

Luiz Alberto Gonçalves Andrade era o caçula dos nove filhos de Eutimio Mendes de Andrade e Helenita Gonçalves de Andrade (dona Mocinha).  Relevantes serviços ele prestou a Ipiaú e Eunápolis, onde gozava de muito prestigio e morava há 25 anos, além de outras cidades.

Em Ipiaú se colocou como médico legista, em substituição a Dr. Salvador da Matta, sem nunca ter sido remunerado pelo estado. A prestação voluntária de tal serviço evitava que os cadáveres das vítimas de morte violenta fossem conduzidos para Jequié, conforme acontece atualmente, afim de serem submetidos a necropsia.

Luiz sempre foi bom de prosa, caracterizando-se como um autentico memorialista. Gostava de narrar façanhas de ancestrais e conterrâneos. Protagonizou alguns aprontes no tempo da juventude quando curtia farras homéricas e contava muitas piadas. Fazia caçadas pelas matas da região e fumava exageradamente. Após a morte do filho primogênito, Virgilio, em um acidente automobilístico na região de Eunápolis, começou a perder a alegria habitual.

Ultimamente morava em Salvador, numa casa de repouso conhecida como “Hotel Sênior”, localizada no bairro da Moraria. Por recomendação médica tinha parado de fumar, entretanto, não teve como seguro a abstinência. Retrocedeu ao vício da nicotina e talvez tenha sido esse o principal motivo dos infartos e acidentes vasculares celebrais (AVC) que sofreu. Seu óbito não teve qualquer relação com o COVID-19. (Giro/José Américo Castro).

Mais um grande jogador sai de cena e entra na história do futebol de Ipiaú


Wilson Folha Podre tinha 69 anos.

Morreu ao meio dia da última terça-feira, 22, o ex-jogador Wilson Ramos Santos. Ele tinha 69 anos e foi considerado um dos mais habilidosos atacantes do futebol ipiauense. Jogava na ponta esquerda, mas também teve atuações memoráveis como lateral esquerda do Independente Esporte e Cultura, onde começou nas divisões de base e ingressou na equipe titular com apenas 16 anos.

Em partida no Campo da Baixada.

Jogar ao lado de Gajé, Gino, Buerinho, Davi, Tanajura e outros lendários craques do interior baiano, não era para qualquer um. O jovem atleta teve este mérito e se impôs com a grandeza de sua simplicidade. “Wilson era um jogador versátil”, sintetiza o comentarista esportivo Orlindo Lopes, que também foi seu contemporâneo no elenco do Independente.

Na Seleção de Ipiaú que disputou pela 1ª vez o Intermunicipal.

Na primeira Seleção de que disputou um Campeonato Intermunicipal, no ano de 1968, o hábil ponta esquerda teve lugar de destaque. Apelidado de Wilson ‘Folha Podre’, mas também conhecido como “Wilson de Ariston”, o saudoso atleta teve uma rápida passagem pelo time do Vasco da Gama, e encerrou sua trajetória em clubes que disputavam o Campeonato da Baixada.

Wilson herdou do pai Ariston Vieira Santos, a profissão de açougueiro. Há cerca de quatro anos sofreu um AVC e desde então vinha lutando contra outras enfermidades. Morreu em sua residência, na antiga Feirinha, vitima de um infarto fulminante. Foi sepultado na mesma data da sua morte, no Cemitério Velho. Deixou 4 filhos (Márcia, Marcelo, Fabio e Wilma), sete netos e um bisneto. Um dos seus netos, “Fofão”, também é jogador de futebol.( Giro/ José Américo Castro).

Corpo de Álvaro é cremado em Salvador


Álvaro foi vítima da covid-19.

O corpo de Álvaro Jardim Fernandes, de 26 anos, foi cremado na manhã dessa segunda-feira (20), em Salvador. A informação foi confirmada ao GIRO, por um primo de Álvaro. Ele ainda informou que a família pretende trazer as cinzas para Ipiaú e numa ocasião oportuna realizar uma cerimônia de despedida com a presença dos amigos e familiares.

Álvaro morreu no início da noite de sábado (ver aqui), no Hospital Couto Maia, em Salvador. Após apresentar dificuldades para respirar, ele foi internado na ALA COVID do HGI, depois transferido para o Hospital Geral Prado Valadares, em Jequié, e por fim foi encaminhado numa UTI Aérea para Salvador. A morte precoce de Álvaro gera comoção na cidade.

A prefeita Maria das Graça lamentou a morte de Álvaro e escreveu numa rede social: ”Muito triste a notícia da morte do Ipiauense Álvaro Jardim Fernandes. Um jovem cheio de sonhos, com uma história de vida marcada pelo ato de servir sempre ao próximo. Seu amor por Ipiaú ficará marcado na história do nosso município. Neste momento de profunda dor, rogo a Deus para que conforte os seus familiares e amigos”.

Álvaro ganhou projeção na cidade de Ipiaú com excelente trabalho direcionado à juventude ipiauense. Iniciou sua trajetória no grêmio estudantil do colégio Modelo, coordenou o departamento municipal da juventude, presidiu a fundação ACM, mais conhecida como Casa do Menor, foi candidato a vereador nas eleições de 2016, onde galgou 303 votos, atualmente trabalhava no Hospital Geral de Ipiaú fazia parte do quadro de Agentes Voluntários de Proteção à Criança e ao adolescente de Ipiaú. (mais…)

Morre Álvaro Jardim, vítima da covid-19 em Ipiaú


Foto: Redes Sociais

Morreu no início da noite desse sábado (18) no Hospital Couto Maia, em Salvador, o jovem Álvaro Jardim Fernandes, de 26 anos. A informação foi confirmada por um familiar. Álvaro era funcionário do Hospital Geral de Ipiaú e foi diagnosticado com a covid-19 na semana passada. Após apresentar dificuldades para respirar, ele foi internado na ALA COVID do HGI, depois transferido para o Hospital Geral Prado Valadares, em Jequié, e por fim foi encaminhado numa UTI Aérea para Salvador. A morte precoce de Álvaro gera comoção na cidade. O corpo será cremado em Salvador, às 09h dessa segunda-feira, segundo informou um familiar.

A prefeita Maria das Graça lamentou a morte de Álvaro e escreveu numa rede social: ”Muito triste a notícia da morte do Ipiauense Álvaro Jardim Fernandes. Um jovem cheio de sonhos, com uma história de vida marcada pelo ato de servir sempre ao próximo. Seu amor por Ipiaú ficará marcado na história do nosso município. Neste momento de profunda dor, rogo a Deus para que conforte os seus familiares e amigos”.

Álvaro ganhou projeção na cidade de Ipiaú com excelente trabalho direcionado à juventude ipiauense. Iniciou sua trajetória no grêmio estudantil do colégio Modelo, coordenou o departamento municipal da juventude, presidiu a fundação ACM, mais conhecida como Casa do Menor, foi candidato a vereador nas eleições de 2016, onde galgou 303 votos, atualmente trabalhava no HGI fazia parte do quadro de Agentes Voluntários de Proteção à Criança e ao adolescente de Ipiaú.

Dentre as realizações que contaram com a sua coordenação podemos citar os projetos: Dialogando com a Juventude, que tratou de temas referentes á sexualidade, prevenção do uso de drogas, gravidez na adolescência e outros assuntos; Cinema nos Bairros que levou até as comunidades locais os melhores filmes nacionais; Juventude em Movimento, cujo objetivo foi promover o lazer conjugado com serviços de saúde, medicina preventiva e orientação nutricional; Aulão, atividade realizada no salão nobre da Câmara de vereadores com o propósito de qualificar os estudantes para o ENEM; Feira da Juventude, A Praça é da juventude, e, a I Conferência Municipal da Juventude, cujo sucesso dispensa comentários.

Ex-moradora de Ipiaú que se destacou na luta contra o HIV faleceu em Salvador


Foto: Redes Sociais

Faleceu nessa segunda-feira, 30, em Salvador, onde também foi sepultada, a colaboradora do Grupo de Apoio à Prevenção à AIDS (GAPA Bahia), Sonara Guimarães Carvalho. Ela tinha 55 e estava internada há cerca de um mês no Hospital Otávio Mangabeira em decorrência de uma pneumonia que agravou a sua condição de soropositivo HIV.

Natural de Ubatã, Sonara Carvalho morou em Ipiaú, tendo trabalhado como comerciária na loja Oliveira Tecidos. Era soropositivo há mais de 20 anos e tornou-se conhecida pelo enfrentamento à epidemia de HIV e na assistência à pessoas portadoras do vírus da AIDS.

Na condição de Promotora Legal Popular de Direitos Humanos (PLP), pelo GAPA Bahia, Sonara atuou voluntariamente em diversas comunidades realizando palestras, aconselhando e contribuindo para a melhoria na condição de cidadãos e populações vulneráveis relacionadas à AIDS e HIV.

Orientou essas pessoas no reconhecimento de seus direitos, garantias fundamentais, dignidade e cidadania, assim como na redução da violência e preconceito. A missão foi cumprida com dignidade, apesar do sofrimento que lhe marcou nessa trajetória. (Giro/ José Américo Castro).

Morre Leão, tradicional vendedor de fogos de artifícios de Ipiaú


Faleceu às 17h30 de quarta-feira, 5 de fevereiro, em uma unidade hospitalar de Salvador, o senhor José de Jesus Alves, popularmente conhecido como Leão, de 74 anos. Ele foi vitima de uma embolia pulmonar e seu corpo que foi velado no templo da Igreja Fonte da Água Viva, com endereço na Avenida Getúlio Vargas, foi sepultado na tarde desta quinta-feira, 6, às 17 horas no Cemitério Velho.

”Leão” fica na história como uma das personalidades folclóricas de Ipiaú. Era filho do fazendeiro Mané Grande, irmão do empresário Eduardo Pereira Alves (Dú) e gozava de muito carisma entre os que tiveram a oportunidade de lhe conhecer.

Figura singular, discreta e ao mesmo tempo irreverente. Contador de piadas, vendedor de fogos de artifício que mantinha a tradição das festas juninas, Leão gostava de usar chapéu de abas largas, preservando assim as origens de homem do campo. Nas antigas festas de São Roque prestava serviços à paróquia comandando a famosa Barraca da Vispora.

Sacudia o bogue, cantava as pedras com muita criatividade. Seu nome era muito pronunciado em tais ocasiões. Nessa função que dividia com Noguinha e outros companheiros, seguia até alta madrugada, entre a neblina e o frio de agosto em Ipiaú. Por não ser de ferro, segurava a onda tomando uma. Agora segue em seu destino, cumprindo a ordem natural da vida. (Giro/José Américo Castro).

Ipiaú: Homem morre após sofrer infarto no local de trabalho


Morreu no início da manhã dessa sexta-feira (31), Bruno Silva Santos, idade não informada, conhecido também como Bruno Padeiro. Conforme as informações preliminares, ele sofreu um infarto fulminante quando iniciava as atividades de trabalho numa padaria localizada na Avenida Lauro de Freitas, em frente ao antigo Coliseu. Bruno teria comentado com colegas que não estava se sentindo bem desde a madrugada. Minutos depois ele sofreu o infarto. Amigos ainda tentaram reanimar a vítima, mas sem sucesso. A morte foi confirmada pelo Samu. O sepultamento ocorreu no Cemitério Jardim da Saudade, no final da tarde dessa sexta-feira.

Morre Alípio Rocha, ex-vereador de Itagibá


Alípio foi vereador de Itagibá por mandatos.

Morreu Alípio Rocha Passos, de  72 anos. Segundo informações de uma integrante da família. ele estava internado no Hospital Geral de Ipiaú, onde ocorreu o óbito por volta das 18h deste domingo (19). A causa da morte teria sido Derrame Pleural. Alípio deixa um legado de seriedade e humildade, reconhecido por todos os itagibenses. Foi vereador por cinco mandatos no município de Itagibá. O corpo está sendo velado na Rua A, bairro Damião Damascena, no distrito do Japomerim, localidade representada por ele durante os seus mandatos na Câmara Municipal. O horário e o local do sepultamento ainda serão definidos pelos familiares. O prefeito de Itagibá deve decretar luto oficial de três dias no município. A morte de Alípio foi lamentada por moradores e diversas autoridades do município. ( Giro Ipiaú)

Morre Morota, o ex porteiro do Cine Éden e grande desportista ipiauense


Ipiaú perde mais uma das suas personalidades folclóricas. Desta vez foi Morota, o ex porteiro do Cine Teatro Éden que também ficou celebre como desportista responsável pelos rojões que saudavam a entrada da Seleção de Ipiaú, em campo, durante o Campeonato Intermunicipal. Esta pratica ele também adotava durante comícios dos candidatos da sua preferência política.

Batizado com o nome de Zacarias Barbosa dos Santos, 77 anos, Morota era natural de Ipiaú e deixou cinco filhos (Ivana, Silvana, Ricardo, o popular Morotinha, Luciana, e Leila) frutos de uma união com dona Maria de Lurdes Oliveira dos Santos. Seu falecimento ocorreu no inicio da madrugada desta segunda-feira, 6, no Hospital Prado Valadares em Jequié. O sepultamento será na tarde de hoje.

Morota era homem de temperamento tranquilo e muito querido na cidade. Durante muitos anos foi porteiro do Cine Éden e talvez tenha sido isso que lhe credenciou como personalidade folclórica. Sempre que podia facilitava a entrada daqueles que não tinham condições de pagar o ingresso. Gostava de frequentar o famoso Bar de Fran e assistir partidas de sinuque entre os bambas do taco. Sua trajetória sempre será lembrada por aqueles que lhe conheceram e admiraram. (Giro/José Américo Castro).

Morre o pipoqueiro ‘Bacalhau’, personalidade folclórica de Ipiaú


‘Bacalhau’ morreu aos 74 anos em SP.

Morreu na manhã de terça-feira (10), em uma unidade hospitalar de São Paulo, o pipoqueiro ‘Bacalhau’, personalidade folclórica de Ipiaú, e que foi um dos destaques da série do GIRO, escrita pelo jornalista José Américo (ver aqui). Salvador Pereira Monteiro, morreu aos 74 anos.

A filha dele informou à nossa reportagem que Bacalhau estava internado há cerca de uma semana após sofrer um AVC Isquêmico. O sepultamento ocorreu na manhã dessa quarta-feira (11) no Cemitério São Luiz, na capital paulista. Há dois anos, Bacalhau e a sua esposa Raimunda se mudaram para São Paulo, onde passaram a morar com a filha Lidiana Monteiro.

“Bacalhau” era uma dessas figuras que fazem de Ipiaú um extraordinário celeiro de personalidades folclóricas. Pipoqueiro, vendedor de quebra-queixo, aguadeiro, servente de pedreiro, marceneiro (especializado em urnas funerárias), jornaleiro, berganheiro e tantos outros jeitos de ser, Bacalhau era múltiplo, sintético e absurdo. Foi vendendo pipocas que Salvador Pereira Monteiro, testemunhou momentos importantes da história de Ipiaú.

Corpo de Mariana Menezes será sepultado nesta terça em Ipiaú


O corpo da dentista ipiauense Mariana Menezes, de 25 anos, será sepultado na manhã desta terça-feira (26), no Cemitério Jardim da Saudade, em Ipiaú. O cortejo funebre está previsto para às 08b30. O velório acontece no salão da Loja Maçônica em frente ao prédio da Prefeitura Municipal de Ipiaú. Mariana morreu em um trágico acidente de carro na manhã dessa segunda-feira (25), na BR-330, trecho nas imediações do Cajueiro, entre Jitaúna e Jequié. Um garoto de 9 anos também estava no automóvel, mas não ficou ferido.

Mariana seguia para Jequié, onde deixaria o carona (menino) com os seus familiares. O destino dela era a cidade de Maracás, onde exercia a profissão de dentista. O carro conduzido por ela colidiu na lateral de um caminhão. O impacto foi todo do lado dela. As ferragens cortaram o cinto de segurança e a jovem foi arremessada do veículo, não resistindo aos ferimentos e falecendo no local. Mariana era filha de Eliana Reis, funcionária da FM Ipiaú, e Marcelo Santos, que trabalhou na mesma emissora até meados da década passada. A morte dela causa grande consternação na comunidade ipiauense. (Giro Ipiaú)

Morre o apresentador Gugu Liberato, aos 60 anos de idade


Após um longo período de especulações, foi confirmada nesta sexta-feira, 22, a morte do apresentador Gugu Liberato, aos 60 anos de idade. Na quarta-feira, 20, Gugu sofreu um acidente doméstico em sua residência em Orlando, nos Estados Unidos, e foi hospitalizado em estado grave. Segundo sua assessoria de imprensa, ele caiu de uma altura de cerca de quatro metros, quando fazia um reparo no ar condicionado no sótão, e sofreu uma lesão na cabeça, com sangramento intracraniano. “Em virtude da gravidade neurológica, não foi indicado qualquer procedimento cirúrgico. Durante o período de observação foi constatada a ausência de atividade cerebral”, diz o comunicado oficial divulgado à imprensa.

Gugu teve a morte cerebral confirmada pelo neurocirurgião brasileiro Guilherme Lepski, chamado aos Estados Unidos pela família. Os órgãos do apresentador serão doados. Gugu deixa três filhos: João Augusto de 18 anos e as gêmeas Marina e Sophia de 15 anos. Ainda serão definidos detalhes do traslado do corpo ao Brasil, e o velório e enterro. *Com informações da Veja

Prefeitura de Ibirataia decreta luto oficial de três dias em memória do ex-Prefeito Rômulo Calheira


Faleceu na manhã desta segunda-feira (18), o ibirataense Rômulo Teotônio Calheira (94), ex-prefeito de Ibirataia mandato (1973 a 1977). O senhor Rômulo Calheira foi também vereador no primeiro mandato do município, na gestão do prefeito Aristóteles Dias da Fonseca – de 1963 a 1967 e posteriormente de 1967 a 1971, no mandato do prefeito José Passos Prazeres, quando exerceu a presidência do legislativo ibirataense. A Prefeitura Municipal de Ibirataia decretou luto oficial de 03 (três) dias pela morte do patriarca da família Calheira, que se encontrava enfermo e buscava apesar da avançada idade a sua recuperação, porém, não resistiu a sua enfermidade, vindo à óbito em sua residência, por volta das 09:00h, vítima de uma parada respiratória.

Diversas obras e ações sociais foram feitas na gestão do ex-prefeito Rômulo Calheira, a exemplo da instalação da Embasa, abertura de bairros, calçamentos, e, dentre ações que ficaram marcadas no município aconteceu com coberturas de telhas de cerâmica de centenas de casas, substituindo o eternit, casas de taipa, entre outras ações sociais importantes no município. Rômulo deixa filhos, (Mamede e Paulo Cesar – In memoriam), Selma Calheira, Telma, José Cesar, João Luis e Liliane, além de netos, bisnetos, noras e genros.

De acordo informações de familiares, o seu corpo será velado em sua residência até as 16:00h. Após, o corpo será velado na Câmara Municipal de Ibirataia. Ainda de acordo com as informações, o sepultamento ocorrerá nessa terça-feira (19), no Cemitério São João Batista em Ibirataia. *Com informações do Tesouras Notícias

Homem com depressão é encontrado morto dentro de casa em Ipiaú


Foto: Giro Ipiaú

Um homem que sofria de depressão foi encontrado morto por volta das 15h desse domingo (17), dentro de sua residência, na Rua A, bairro Constância. Sonivaldo Moura Alves, de 52 anos, conhecido como Som Pintor, foi encontrado enforcado dentro do quarto do imóvel onde morava sozinho. O corpo foi encontrado por um primo dele. Vizinhos disseram que Som chegou a ser visto na manhã desse domingo, por volta das 09h. Conforme familiares, ele sofria de depressão iniciada há alguns anos. A Polícia Militar foi acionada, isolou a casa até a chegada do DPT. O corpo será encaminhado para o IML de Jequié.

Morre aos 74 anos o instrumentista Genésio Filho


Ipiaú perdeu um de seus principais músicos no inicio da madrugada desta sexta-feira, 15 de novembro. Genésio Barbosa Júnior, o popular “Genésio do Trombone”, 74 anos, morreu, depois de resistir, por um longo tempo, às sequelas de um acidente vascular cerebral provocado por aneurisma. O seu corpo foi sepultado às 13 horas, do mesmo dia, no Cemitério Novo. Ele deixa dois filhos (Adson e Adriana) e uma história de amor à arte musical.Genésio Filho era considerado um melhores trombonistas da região. Executava o trombone de vara com grande maestria e por isso era requisitado para tocar em importantes bandas do interior da Bahia. Também toca saxofone e tuba. Nos bailes da vida chamava a atenção pela versatilidade, pelo improviso, por fazer todo mundo dançar, sonhar e viajar. Aprendeu a música instrumental com seu pai, o velho Genésio, no Jazz 13 de Maio, comandado pelo Mestre Lôla. Cresceu entre os “bambas”. (mais…)

Morre José Brito, tradicional comerciante de Ipiaú


Faleceu às 20 horas de terça-feira (15), na Clinica São Roque, em decorrência de uma pneumonia, o comerciante José de Souza Brito, 94 anos, ex presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas -CDL- de Ipiaú, e da Associação Comercial, além de sócio fundador do saudoso Rio Novo Tênis Clube e da Fundação Hospitalar. O corpo é velado na Loja Maçônica Fraternidade Rionovense e o sepultamento será na tarde desta quarta-feira, 16, no Cemitério Velho.

Nascido no dia 4 de agosto de 1925, em Ipiaú, José Brito foi proprietário, durante 54 anos, do famoso Armarinho Violeta que tinha endereço na Rua Dois de julho e era considerado um dos mais tradicionais estabelecimentos do comércio local José Brito também era músico, tendo atuado com clarinetista, da Filarmônica Alberto Pinto. Ele deixa uma filha (Maria Conceição Chaves Brito) fruto do seu longo casamento com dona Beleniza Chaves Brito, que era mais conhecida pelo apelido de “Fifiu”. ( Giro/ José Américo Castro).

Morre aos 94 anos, Olival Andrade, pai do prefeito de Itagi


Olival Andrade na posse do filho, atual prefeito de Itagi.

A cidade de Itagi amanheceu de luto nesta terça-feira (01/10) com a morte do ex-prefeito Olival Andrade, que faleceu aos 94 anos de idade. Não foi informada a causa da morte e onde ocorreu o óbito. O filho e atual Prefeito de Itagi, Olival Júnior, lamentou a morte do pai e disse que ele realizou o grande sonho da vida que era ver o filho prefeito da cidade. Olival Andrade foi prefeito por dois mandatos. O Prefeito Olival Júnior estava em férias com a família na Europa e deve chegar ainda nas próximas horas para o sepultamento do pai. O Prefeito em exercício, Coelho, decretou luto oficial de três dias. Não há informações sobre velório e sepultamento.

PM lotado na Companhia de Jitaúna comete suicídio em Jequié


O policial militar Evanildo Encarnação cometeu suicídio na tarde desta sexta-feira (27), em sua residência no bairro Mandacaru, em Jequié. Segundo informações do blog Jr. Mascote, Evanildo usou uma pistola .40 para tirar a própria vida com um tiro na cabeça. Amigos ainda tentaram socorrer o policial para o hospital, mas ele acabou não resistindo. Evanildo era da turma de 2003 do 19° BPM e lotado na Companhia da cidade de Jitaúna. Não foi informado detalhes do velório e sepultamento.

De acordo com informações preliminares, Evanildo estava sendo acompanhado por um psiquiatra há 06 anos e teria sido retirado do serviço operacional para o burocrático. O militar encontrava-se afastado por dez dias através de atestado médico, e estava relacionado para o Curso Especial de Cabo, onde se apresentaria na segunda-feira, 30 de setembro.

O número de policiais que cometeram suicídio no Brasil em 2018 (104) foi maior que a quantidade que morreu em decorrência de confronto nas ruas (87), enquanto estavam em serviço. Para especialistas, o volume de suicídios acende um alerta sobre a necessidade de as corporações prestarem melhor assistência à saúde mental dos agentes.

Família da professora Euna divulga nota de agradecimento


Familiares da professora Euna divulgaram na noite dessa quarta-feira (18) uma nota de agradecimento pelo consolo e conforto recebido da comunidade ipiauense durante o velório e cortejo fúnebre realizada no final da tarde de terça (lembrar), assim como a mobilização para doação de sangue. Segue abaixo a nota:

Neste momento de profunda dor e pesar, nós familiares de Eunaildes Rodrigues, carinhosamente acolhida e chamada por Euna, abalados, tristes, sofridos e já saudosos, mas grandiosamente fortalecidos por Deus e pelo calor do Espírito Santo, nos dirigimos com muita emoção à toda comunidade de Ipiaú para agradecer todo o amparo e carinho dispensado para nossa Euna e toda família Rodrigues.

Gratidão é nossa palavra de ordem. Agradecemos imensamente todas manifestações de carinho, amparo, conforto, a todas orações direcionadas para nós, a acolhida, as palavras e todo gesto de solidariedade. Agradecemos também a grande mobilização e disponibilidade que aconteceu na campanha de doação de sangue para a HEMOBA em Jequié em nome do restabelecimento da saúde de Euna.

Tenham certeza, que levaremos conosco eternamente todo esse calor recebido. Tenham certeza vocês que todo esse carinho e amparo dispensado, juntamente com nossa fé em Deus foi o que nos manteve de pé, firmes e fortalecidos. A morte, por si só, já nos remete a dor profunda e ao desolamento, ainda mais quando é de forma repentina, como foi. A dor é enorme, não é fácil, mas muito mais difícil seria se não tivéssemos o carinho e a afetividade de vocês.

Obrigado Ipiaú. Obrigado aos amigos professores, aos queridos alunos dela, as instituições, a igreja, o grupo do EJC, enfim, obrigado a todos os amigos. Gratidão é a memória do coração.  Temos a certeza em Deus, que nossa Euna está em paz e feliz com tanta manifestação de carinho e orações recebidas. Que brilhe para ela a luz eterna. Estamos de LUTO, mas confortados por tanto afeto recebido. O nosso muito obrigado! Família Rodrigues (enlutada)

Centenas de pessoas participaram do cortejo fúnebre da professora Eunaildes Lisboa Rodrigues dos Santos, 58 anos, que foi sepultada no final da tarde dessa terça-feira (17) no Cemitério Jardim da Saudade, em Ipiaú. O óbito ocorreu no Hospital Geral de Ipiaú, onde ela estava internada devido a uma leucemia. O corpo foi velado na Loja Maçônica Fraternidade Rionovense. Professores e estudantes da Rede Municipal de Ensino compareceram ao funeral, sendo que uma turma da Escola Altino Cosme Cerqueira, onde Eunaildes lecionava, estava devidamente fardada.

Professora Euna é sepultada sob grande comoção; prefeitura decretou luto de três dias


Fotos: Giro Ipiaú

Centenas de pessoas participaram do cortejo fúnebre da professora Eunaildes Lisboa Rodrigues dos Santos, 58 anos, que foi sepultada no final da tarde dessa terça-feira (17) no Cemitério Jardim da Saudade, em Ipiaú. O óbito ocorreu no Hospital Geral de Ipiaú, onde ela estava internada devido a uma leucemia. O corpo foi velado na Loja Maçônica Fraternidade Rionovense. Professores e estudantes da Rede Municipal de Ensino compareceram ao funeral, sendo que uma turma da Escola Altino Cosme Cerqueira, onde Eunaildes lecionava, estava devidamente fardada. A Prefeita Maria das Graças e o Secretário da Educação, Alan Márcio Vitorino, também participaram do cerimonial de despedida. Tão logo tomou conhecimento da morte da educadora, a prefeita decretou luto oficial de três dias no município e autorizou que o Secretário da Educação suspendesse as aulas nas escolas municipais nesta terça. A professora Eunaildes lecionou durante 30 anos, tendo atuado na Escola Ângelo Jaqueira e no CAPI (Centro de Apoio Pedagógico de Ipiaú), além da Escola Altino Cerqueira, nesta fase de gestão compartilhada com a Policia Militar. Eunaildes Lisboa Rodrigues dos Santos deixa dois filhos: Vitor e Natan.A Professora Eunaildes dedicou a sua vida aos ensinamentos, deixando um legado de aprendizado para todos aqueles que foram seus alunos. Durante o sepultamento no Cemitério da Saudade, mais conhecido como “Cemitério Velho”, muitos lembravam da sua atuação pedagógica e diziam da falta que fará para as colegas e alunos que tanto lhe admiravam. (José Américo Castro/ Dircom Prefeitura)

Morre aos 58 anos a professora Euna


Faleceu no início da manhã dessa terça-feira (17), no Hospital Geral de Ipiaú, Eunaildes Lisboa Rodrigues dos Santos, de 58 anos, conhecida popularmente como Professora Euna. O falecimento dela causa muita comoção em colegas de trabalho, amigos e familiares. O corpo será velado na Loja Maçônica de Ipiaú e o sepultamento está previsto para às 17h dessa terça-feira (17) no Cemitério Jardim da Saudade (Cemitério Velho). Euna estava internada no HGI e aguardava uma transferência para uma unidade hospitalar na cidade de Salvador. A suspeita é que a morte tenha sido provocada por leucemia, segundo informou um amigo da família. Os sintomas da doença teriam surgido há cerca de 15 dias. Euna era professora da rede municipal de ensino e bastante querida na comunidade. A sua morte é lamentada por populares e autoridades políticas do município, a exemplo da prefeita Maria e do presidente da Câmara, San de Paulista, e do comandante da 55ª CIPM – Major Jocevã Oliveira.

Morre o radialista Jota Raimundo


Foto: Ubatã Notícias

O radialista José Raimundo Santos, de 66 anos, o Jota Raimundo, faleceu na madrugada desta quarta-feira (28), em sua residência, em Ibicuí, no sul da Bahia. Jota Raimundo foi vítima de um infarto fulminante. Segundo informações de familiares, um colega de profissão ainda tentou reanimar o radialista, mas sem sucesso. Um dos comunicadores mais carismáticos da região, atualmente comandava um programa na Guarani FM, mas sua voz ficou mais conhecida ao comandar – por anos – o tradicional programa Canta Viola, da Ubatã FM. Jota Raimundo atuava como radialista há mais de 50 anos, foi redator e um dos fundadores do Jornal Novo tempo. O radialista ainda foi candidato a deputado estadual, alcançado mais de 2,7 mil votos. Ainda não há informações sobre velório e sepultamento. (Garcia Júnior/Ubatã Notícias)

Morre o cantor e compositor Ailton dos Anjos


O cantor e compositor Ailton dos Anjos, faleceu por volta de 1h30 deste domingo (23), vitimado por um enfarto, na residência de um irmão, na cidade de Lajedo do Tabocal. Natural da cidade de Itiruçu, Ailton dos Anjos fixou residência em Jequié havia mais de três décadas, onde desenvolveu sua trajetória artística apresentando-se em casas noturnas de Jequié e de outros municípios, além de participações em diversos eventos públicos.

No mês de junho deste ano, quando seu show constava da grade de programação da noite de abertura da Vila Junina de Jequié, teve que ser substituído, em razão do agravamento de um problema de saúde que o levou a permanecer internado por mais de 30 dias, no Hospital Geral Prado Valadares.

Amigos pessoais de Ailton juntamente com artistas locais, disponibilizaram uma conta bancária para as pessoas fazerem depósitos/doações para o artista e organizaram um show beneficente que aconteceria no próximo dia 31, com o propósito de destinar a renda para Ailton dos Anjos, que enfrentava dificuldades financeiras decorrência do cancelamento de sua agenda de apresentações. O corpo do cantor e compositor está sendo transladado para Jequié onde será sepultado na segunda-feira (26). *As informações são do Jequié Repórter

Paratleta de Ipiaú morre atropelado durante competição em Guanambi


Foto: Facebook/Arquivo Pessoal

Morreu na tarde desse sábado, 17, o paratleta Jacson Silva, de 38 anos. Ele saiu de Ipiaú e estava competindo na XIII edição da tradicional Corrida do Suruá, em comemoração aos 100 anos do município de Guanambi, cidade no sudoeste da Bahia. Conforme as informações preliminares repassadas ao GIRO, Jacson foi atropelado no meio do percurso por um veículo que invadiu o circuito. O motorista fugiu do local, mas foi alcançado pela polícia e preso. A polícia informou que não houve perseguição antes do atropelamento, conforme divulgado anteriormente. O ipiauense ainda chegou a ser encaminhado para uma unidade hospitalar, mas não resistiu. “Ele estava muito feliz e tinha acabado de conquistar a cadeira especial que ele tanto sonhava para competir. É uma perda lastimável”, comentou um dos integrantes da equipe de Ipiaú que participa da competição. Jacson vinha se destacando desde o início desse ano em competições da categoria em várias partes da Bahia.  A condição de paraplégico lhe foi imposta por uma esquistossomose medular. A doença o deixou inativo por 10 anos. Evangélico da Igreja Pentecostal Deus Forte, Jacson buscava na fé em Jesus Cristo um motivo de se manter fortalecido. Recentemente amigos realizaram uma rifa com intuito de angariar recursos para que ele conseguisse comprar um triciclo, equipamento mais apropriado para a modalidade esportiva. A morte de Jacson causa grande comoção na comunidade ipiauense. (Giro Ipiaú) (mais…)

Ibirataia: Morre o ex-vereador, escritor e compositor Kalú Calheira


Foto: Arquivo Pessoal

Morreu aos 67 anos de idade o ibirataense José Antonio Calheira Silva (Kalú Calheira), psicólogo, ex-vereador, escritor e compositor, produtor rural, autor do Hino de Ibirataia, entre outros. Kalú Calheira deixa esposa, filhos (Dorgival Neto, Lúcio Simões e Maria). Além de netos e irmãos (Valdo, Ednólia, Edneia, Edna e Geraulino). O falecimento ocorreu na manhã deste sábado (17), por volta das 05h da manhã em sua residência. De acordo informações de familiares, Kalú Calheira estava dormindo em sua residência e sofreu uma insuficiência respiratória, vindo à óbito. O seu corpo será velado na Câmara Municipal de Ibirataia e o sepultamento ocorrerá nesse domingo (18), em horário a ser anunciado. *Com informações do Tesouras Notícias

Morre ex-secretária de Ação Social Antônia Lúcia; prefeitura decreta luto oficial em Ipiaú


Foi sepultada no final da tarde dessa segunda-feira (12), no Cemitério da Saudade, em Ipiaú, o corpo da Professora Antônia Lúcia Nery Cardoso, 77 anos, Ex-Secretária Municipal de Ação Social. Ela faleceu por volta das 4h da madrugada, da mesma data, em Salvador, em decorrência de um edema pulmonar. Era casada com o fazendeiro Etevaldo Andrade Cardoso, com o qual gerou quatro filhos, que lhes deram seis netos.

Antônia Lucia era filha de Florípedes Midlej Nery (Dona Loló) e Jorge Vieira Nery. Pertencia a uma das famílias tradicionais de Ipiaú, onde nasceu. Seus avós maternos, os árabes Vitória e Elias Midlej, foram pioneiros no processo de fundação da cidade. Dos seus ancestrais, herdou uma dedicação especial pela culinária. Preparava doces deliciosos, licores, quibes e outras iguarias. Cultivava rosas no jardim da sua casa e tinha sempre uma boa prosa para os mais próximos.

Atuou no magistério como professora da Escola Celestina Bittencourt, durante quatro anos e também ensinou Educação Física no Colégio Estadual de Ipiaú. Era formada em Teologia pelo Seminário de Ilhéus e destacava-se como uma católica atuante na Paroquia de São Roque.

Tornou-se mais conhecida publicamente ao assumir o comando da Secretaria de Ação Social, nas duas gestões do Ex-Prefeito José Mendonça, período em que se aproximou de Maria das Graças, atual gestora do município, iniciando assim uma grande amizade. A assistência social desenvolvida por Antônia Lúcia na prefeitura, ainda hoje é lembrada com carinho pelas camadas mais carentes da sociedade local. Desenvolveu projetos nutricionais, promoveu campanhas de agasalhos, enxovais e construções habitacionais, garantindo dignidade e conforto a quem precisava. Fez o bem, sem olhar a quem!

A Prefeita Maria das Graças Mendonça lamentou o falecimento da amiga e decretou luto oficial em Ipiaú, durante três dias, que certamente merecerá outras homenagens, algo que deixe seu nome marcado na memória deste município, ao qual prestou relevantes serviços, com muita dedicação e amor. (José Américo Castro)

Morre o pastor Alexandro Santos Moura


Morreu na noite de terça-feira, 06, no Hospital Geral Prado Valadares, em Jequié, o pastor Alexandre Santos Moura da igreja Avivamento Bíblico, situada nas proximidades da Praça Amâncio Félix, bairro Euclides Neto. “Ele estava sentindo uma dores e quando foi fazer os exames deu diabetes, que estava muito alta. Com isso, afetou o pâncreas. Ele estava aqui no HGI e foi transferido para o Prado Valadares (em Jequié) e infelizmente não resistiu”, conta uma amiga da família. O corpo do pastor foi sepultado na cidade de Ubaíra, de onde ele era natural. Pr. Alexandro era casado com Eliene Almeida Santos Moura e deixa dois filhos: Keylla Almeida Santos Moura e Pedro Lucas Santos Moura. Alexandro chegou a ser presidente da Associação dos Pastores e Líderes Evangélicos de Ipiaú. Ele também foi candidato a vereador na última eleição municipal.

Morre o advogado José Alves de Oliveira Neto


Morreu na manhã dessa sexta-feira, 19, numa unidade hospitalar em Jequié, o advogado José Alves de Oliveira Neto, mais conhecido como Dr. Neto. Ele estava enfermo há alguns dias e acabou não resistindo. A causa da morte não foi informada. Dr. Neto fazia parte do Corpo Jurídico da Prefeitura de Itagibá. O prefeito Gilson Fonseca decretou luto oficial de três dias no município. “O Dr. Neto sempre foi um profissional que contribuiu, diretamente, para o desenvolvimento e progresso do município de Itagibá”, comentou o prefeito Gilson. Não há informações sobre o velório e sepultamento do advogado.

Jovem morre após sofrer mal súbito em Ipiaú


Uma jovem conhecida como Ilania Ribeiro Santos, de idade não informada, morreu no início da tarde dessa quinta-feira, 18, após um mal súbito. A suspeita é de infarto fulminante. A comprovação do óbito será confirmado pelo IML. De acordo com as informações colhida pelo GIRO, a jovem era moradora de Dário Meira e estava na casa do namorado, na Rua Itapajipe, quando se sentiu mal e não resistiu. A morte precoce de Ilania causou grande comoção familiares e amigos. “Não dá pra acreditar que você não está mais entre nós. Se foi tão cedo”, diz uma das mensagens postadas nas redes sociais. Não há informações sobre o velório e sepultamento da jovem.