Contas do ex-prefeito Deraldino são aprovadas após retorno de sessão na Câmara Municipal


Ex-prefeito Deraldino Araújo.

Enfim, após mais de um mês sem sessão, os treze vereadores compareceram na noite dessa quinta-feira, 23, no auditório da Câmara Municipal de Ipiaú. Com a presença de todos os edis a sessão transcorreu normal, com alguns discursos e debates acalorados. A ordem do dia foi a votação das contas do ex-prefeito Deraldino Araújo, referente ao ano de 2016, aprovadas com ressalvas pelo Tribunal de Contas dos Municípios. Sete vereadores votaram a favor do parecer do TCM, e seis contrários.  Pela aprovação das contas do ex gestor votaram os vereadores Andréa Novaes, Emerson Fit, Simone Coutinho, Lucas do Social, Edson Marques, Pery de Margarete e o presidente do Legislativo San de Paulista. Com a aprovação, o ex gestor se encontra devidamente habilitado para concorrer a futuros processos eleitorais.

Gilson anuncia que Itagibá recebeu R$ 12 milhões em verbas atrasadas do Fundeb


Prefeito disse que precisou acionar a justiça.

O prefeito de Itagibá, Gilson Fonseca, foi o entrevistado na manhã desta quarta-feira, 22, no Programa Amarelinho Notícias, na Rádio Ipiaú FM. Numa conversa, de quase uma hora, o gestor falou sobre a situação atual do país, as benfeitorias realizadas no município e o recebimento de precatórios referente a diferenças do envio de verbas do antigo Fundef. Gilson também respondeu a perguntas dos ouvintes. O recebimento de verbas atrasadas do antigo Fundef, hoje, Fundeb, foi um dos destaques da entrevista. O prefeito Gilson Fonseca explicou que para receber esses precatórios, foi necessário entrar na justiça. Com o ganho de causa, o dinheiro, cerca de 12 milhões de reais, já está à disposição da administração municipal.

“Já temos este dinheiro em caixa, mas temos que tomar todo o cuidado com a utilização dele. Esta é uma verba que só deve ser aplicada em benefícios e melhorias na Educação do município, como ampliações reformas e construções de escolas municipais, aquisições de equipamentos, móveis e de veículos para o transporte escolar. A creche, no distrito de Japomirim, está entre as obras que pretendemos terminar com a chegada deste dinheiro. Este dinheiro não vai poder ser usado para o pagamento de professores, com risco de sermos processados pelo uso indevido”, acrescentou o prefeito Gilson Fonseca.

São João

Questionado sobre o São João, na conversa, o prefeito Gilson Fonseca confirmou que a prefeitura vai realizar os festejos entre os dias 20 e 23 de junho. Não confirmou todas as atrações, mas deu em primeira mão o nome de uma, o cantor Chambinho do Acordeom. O músico é nacionalmente conhecido por ter vivido no cinema, Luiz Gonzaga. “Estamos realizando o São João com recursos próprios. Apesar das dificuldades, vamos fazer uma boa festa, que é tão esperada por todos, com boas atrações. Vai ser pequeno, mas preparado de coração”, concluiu o prefeito. *As informações são da Ascom/PMI

Euclides Fernandes está entre os 16 deputados que mais devem a Receita Federal


Foto: Divulgação

*Do Bahia Notícias

Euclides Fernandes (PDT) acumula dívida previdenciária e decorrente de multas de R$ 524 mil. O parlamentar renegociou com a Receita um débito previdenciário de R$ 329 mil da empresa Centro de Educação Técnica de Jequié (CETEJ). O restante do que deve Euclides são multas aplicadas ao Sistema Jequié de Comunicação (rádio e jornal). O deputado tem R$ 2,5 milhões em bens declarados e recebe um salário de R$ 25 mil. R$ 2,09 milhões. Essa é a cifra que 16 dos 63 deputados estaduais da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) devem à União. Além de Euclides, também lideram as estatísticas a deputada Jusmari seguida pelo deputado Alan Castro, qual dívida passa dos R$ 600 mil reais em dívidas. Jusmari Oliveira afirmou que o débito na Receita Federal foi parcelado por meio do Refis, programa de refinanciamento de dívidas tributários. Por nota, a deputada declarou que ela, como grande parte da população brasileira, enfrentou dificuldades devido a crise econômica, mas vem amortizando as parcelas dentro das suas condições e se coloca a disposição para qualquer esclarecimento a respeito do assunto. Citados, os deputados Euclides Fernandes e Alan Castro não responderam a solicitação da reportagem até a publicação.

Novamente sessão na Câmara de Ipiaú é suspensa; é a quarta vez seguida


A Câmara de Ipiaú chega a quarta semana seguida sem sessão por falta de quórum. A última sessão ordinária ocorreu no dia 11 de abril. Na noite dessa quinta-feira, 16, apenas os vereadores San de Paulista, Emerson Fit, Peri, Lucas do Social, Edson Marques e Simone Coutinho compareceram no plenário. Diferente das situações anteriores, desta vez os sete vereadores da situação (Cláudio, Robson, Andreia, Naciel, Jô da AABB, Carlinhos e Orlando) estavam no prédio da Câmara, mas não foram até o salão. Eles teriam tentado convencer o presidente da Câmara a colocar na pauta do dia a votação do projeto do Desenbahia (saiba mais). Não houve consenso entre as partes, e novamente, a sessão ordinária foi suspensa. O comentário que circulou no salão do legislativo municipal é que a ordem judicial que determinava a realização da sessão para a votação do referido projeto do Desenbahia teria sido derrubada em estância superior, confirmado posteriormente pelo presidente San de Paulista (ver aqui). Os vereadores da base afirmam que o presidente do legislativo municipal tem atropelado o regimento interno da Câmara (ver aqui) ao tentar colocar em primeira votação as contas do ex-prefeito Deraldino Araújo. Já os vereadores da oposição pedem mais detalhes no projeto do Desenbahia (ver aqui), a exemplo de nomes das localidades a serem pavimentadas com o empréstimo. (Giro Ipiaú)

Ex-presidentes da Câmara de Ilhéus seguem foragidos e MP reforça necessidade de prisão


Tarcísio Paixão e Lukas Paiva | Foto: Reprodução

Após de mais de 24 horas de deflagrada a Operação Xavier (ver aqui), os ex-presidentes da Câmara de Vereadores de Ilhéus, no sul baiano, seguem foragidos (ver aqui). São procurados nesta quinta-feira (26) Tarcísio Paixão, que presidiu a Casa entre 2015 e 2016, e Lukas Paiva, que comandou a Câmara entre 2017 e 2018. Os dois são atuais vereadores do município. Um servidor da Câmara e um empresário também não foram localizados. Para o promotor Franki Ferrari, a fuga dos acusados reforça a necessidade de prisão deles. “O fato de estarem foragidos evidencia a intenção de não contribuir com a Justiça e de se furtar das responsabilidades. Isso reforça a necessidade da manutenção da prisão preventiva dos acusados”, disse o promotor ao Bahia Notícias.

Presos nesta quarta-feira (15), secretário municipal de Agricultura, Valmir Freitas do Nascimento, e os empresários Cleomir Primo Santana e Aêdo Laranjeiras de Santana foram transferidos para o presídio de Ilhéus (ver aqui). A Operação Xavier investiga um suposto esquema de fraudes em licitações e contratos e lavagem de dinheiro. Os crimes teriam ocorrido entre 2011 e 2018. Os foragidos são procurados por uma força-tarefa que envolve o Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas e Investigações Criminais (Gaeco), a 8ª Promotoria de Justiça de Ilhéus e Polícia Federal.

TCM arquiva mais uma denúncia do Vereador Peri contra a Prefeita Maria das Graças


Vereador já teve outras denúncias arquivadas por falta de provas.

O Tribunal de Contas dos Municípios, julgou, na última quinta-feira (09/05), mais uma denúncia do Vereador Erivaldo Carlos Oliveira (Peri de Margarete), contra a Prefeita Maria das Graças Mendonça, as Secretárias Municipais, Carla Garcia e Elaene Pinheiro, o Ex-Pregoeiro, Marcos Tadeu, o Diretor de Serviços, Luiz Mendonça e as empresas Transloc, N. Borges Messias e Bely Locações, pela suposta ocorrência de fraude na Dispensa nº 001/2017 para contratação de empresa para coleta de lixo domiciliar. O vereador alegou ao órgão, haver irregularidades na execução do contrato, segundo ele, tendo havido conluio entre as empresas com o intuito de beneficiar a Transloc, cujo sócio teria beneficiado a prefeita. O TCM aplicou apenas uma multa de dois mil reais porque não havia fiscal de contratos e subcontratação de veículos, mas quanto à denúncia de Peri de suposta improbidade administrativa foi julgado improcedente (ver decisão).

Após a apreciação da denúncia, o TCM apontou deficiência nas provas apresentadas pelo legislador, não satisfazendo o requisito, simplesmente enunciadas por ele mesmo, sem a correspondente comprovação ou indícios probatórios, não sendo bastante. Por esse motivo, foram excluídas as imputações de fraude na coleta de orçamentos, conluio, superfaturamento e direcionamento da contratação, confirmando a legalidade da dispensa realizada. Essa não é a primeira vez que uma denúncia do vereador Peri é arquivada por falta de prova. Segundo apurou nossa reportagem, ao menos cinco já foram rejeitadas pelos órgãos fiscalizadores.

*Matéria atualizada

TJ-BA não acata recurso da Câmara de Vereadores e mantêm decisão por realização de sessão extraordinária


Mesa Diretora não atendeu pedido da prefeita.

*Por José Américo Castro

Inconformada com a determinação judicial, de primeira instância, para que realize uma sessão extraordinária com o objetivo de colocar em pauta a votação do Projeto de Lei que autoriza o município a fazer um empréstimo junto ao DESENBAHIA para a execução de obras de infraestrutura urbana, especialmente pavimentação de ruas em paralelepípedos e construção de praças públicas, a Mesa Diretora da Câmara de Ipiaú recorreu ao Tribunal de Justiça da Bahia onde também não viu prosperar suas intenções.

O Tribunal não concedeu a antecipação de tutela no Agravo de Instrumento ao processo nº 80089-15.2019. Com isso foi mantida a decisão da Juíza de Direito, Dra. Mariana Ferreira Spina, que acatou Mandado de Segurança impetrado na manhã da ultima quinta–feira (09), pela Procuradoria Jurídica do Município. Após examinar as declarações juntadas pela Prefeitura Municipal, a juíza mencionou que não existem pendências que impeçam a análise do Projeto de Lei 08/2019, que ao tudo indica, é de interesse público. O Presidente da Câmara, Alessandro Moreira, o popular San de Paulista, terá que convocar a sessão extraordinária para apreciação do referido Projeto de Lei.

Impasse entre grupos de vereadores continua e sessão ordinária é suspensa pela 3ª vez


Foto: Giro Ipiaú

O impasse entre os dois grupos de vereadores da Câmara (situação e oposição) continua e mais uma sessão ordinária não foi realizada por falta de quórum, pela terceira vez consecutiva. Na noite dessa quinta-feira, 09, os sete vereadores da base do governo não compareceram na Câmara. No período da manhã, os edís Cláudio, Naciel, Carlinhos, Robson, Jô, Andreia e Orlando estiveram em frente à Câmara para participar de uma sessão extraordinária convocada pela prefeita para votação do Projeto de Lei nº 0082019, que autoriza o Poder Executivo a contratar e garantir operação de crédito no valor de até R$ 4 milhões junto ao Desenbahia, no entanto, a mesa diretora não atendeu a convocação.

Os vereadores da base afirmam que o presidente do legislativo municipal tem atropelado o regimento interno da Câmara ao tentar colocar em primeira votação as contas do ex-prefeito Deraldino Araújo. Já os vereadores da oposição pedem mais detalhes no projeto do Desenbahia, a exemplo de nomes das localidades a serem pavimentadas com o empréstimo. Na tarde dessa quinta-feira, 09, a Juíza de Direito, Mariana Ferreira Spina, determinou por meio de uma liminar o prazo de até dez dias para a mesa diretora realizar a sessão extraordinária para votação do referido projeto. O presidente da Câmara ainda pode recorrer da decisão. (Giro Ipiaú)

Mesa Diretora não atende convocação da prefeita para sessão extraordinária


Câmara manteve as portas fechadas (Fotos: Giro Ipiaú)

A Mesa Diretora da Câmara Municipal de Ipiaú não atendeu ao pedido da Prefeita Maria das Graças para a realização de uma sessão extraordinária a ser realizada às 10h dessa quinta-feira, 09 (lembrar). Os sete vereadores da situação compareceram em frente à Câmara, assim como dezenas de cidadãos, mas não tiveram acesso ao salão do legislativo municipal, que durante a manhã manteve as portas fechadas.

Vereadores da Situação em discurso em frente à Câmara.

O pedido da prefeita foi amparado jurídico no Art. 136 do Regimento Interno da Câmara e visava a votação do Projeto de Lei nº 008/2019, que autoriza o Poder Executivo Municipal a contratar operação de crédito no valor de até R$  4 milhões de reais junto ao Desenbahia para serem investidos em calçamentos de ruas e construção de novas praças. A atitude dos vereadores de oposição foi duramente criticada por moradores de localidades sem pavimentação.

Foto: Giro Ipiaú

O imbróglio em relação ao Projeto de Lei já dura mais de três semanas. Nesse período duas sessões deixaram de acontecer por falta de quórum. Os vereadores da base da prefeita defendem que o projeto do Desenbahia já deveria ter sido colocado em votação, antes das contas do ex-gestor Deraldino Araújo. A sessão desta quinta-feira, 09, deve contar com as presenças dos 13 vereadores e deve ser bem movimentada.

Matéria relacionada (Maria ganha na justiça direito de realização de sessão extraordinária)

Coluna Na Mira da Política e os destaques da semana


Votação das contas de Deraldino depende da desobstrução do projeto do Desenbahia

Com “Parecer Favorável” do TCM, embora com ressalvas, as contas do ex prefeito Deraldino Araújo -PMDB- referentes ao exercício administrativo do ano de 2016, inevitavelmente serão aprovadas pela Câmara Municipal de Ipiaú. Para isso são necessários apenas cinco votos. Ocorre que tal aprovação poderá ser adiada enquanto o presidente da casa, vereador San de Paulista, não colocar em votação o Projeto de Lei nº 0082019, que autoriza o Poder Executivo a contratar e garantir operação de crédito com a DESENBAHIA destinada à execução de obras de infraestrutura urbana, especialmente pavimentação de ruas e construção de praças nesta cidade. A bancada governista argumenta que a matéria tinha prazo máximo de cinco dias (após ser lida em plenário) para entrar na pauta de votação em “Regime de Urgência Especial”, entretanto, segundo o vereador Cláudio Nascimento, a orientação regimental não foi obedecida e vem prevalecendo manobras para retardar esse tramite. “Um atropelo à Ordem Regimental”, definiu Cláudio. A base governista informa que a mais recente dessas manobras foi colocar as contas de Deraldino que não é matéria de urgência, como pauta única da “Ordem do Dia” da sessão que a Câmara realizaria na noite do último dia 25 de abril. Como não houve quórum, por ausência da bancada governista, as contas do ex-prefeito foram colocadas na Ordem do Dia da sessão subseqüente, quando novamente a ausência do quórum prevaleceu. Existe a expectativa de que até a próxima quinta-feira, 09, o impasse seja contornado.

Aguardando ParecerCom a polêmica fervendo no caldeirão da política ipiauense, a Mesa Diretora da Câmara se apressou na explicação de que o Projeto do Desenbahia foi devidamente encaminhado às comissões competentes, para análise e emissão de parecer. Até a última sexta-feira, 4, não tinha ainda chegado à Presidência da Câmara quaisquer comunicados, informando que a matéria está apta à apreciação do plenário. Os vereadores Simone Coutinho -PMDB- e Erisvaldo Carlos -PP-, que integram a Comissão de Justiça e Redação, adiantam não foram convocados pela presidente desta comissão, vereadora Andreia Novaes -PMDB-, conforme estabelece o regimento, para tratar do assunto em pauta.

PSOL se organizaO Partido Socialismo e Liberdade -PSOL- reorganiza-se em Ipiaú e estuda a possibilidade de disputar as próximas eleições municipais. A agremiação é definida como de esquerda e extrema-esquerda, defende o socialismo democrático. No elenco dos prováveis candidatos à Câmara Municipal está Ariana Rios Rezende, filha da ex-vereadora Miralva Rios. Ariana é guerreira, combativa e muito inteligente.

No Festival do Chocolate IMuitas lideranças políticas (vereadores, prefeitos, deputados, secretários municipais e estaduais) marcaram presença no Festival do Chocolate de Ipiaú. Eles aproveitaram a oportunidade para se reunirem com as bases e planejarem ações futuras que melhorarem a vida da população da região. O deputado Eduardo Sales -PP-, por exemplo, teve proveitosa participação em reunião com as lideranças de todo o território Médio Rio das Contas. Na abertura do evento, sexta-feira, 3, à noite, ao lado da prefeita Maria das Graças, o parlamentar parabenizou os organizadores do festival que a cada ano engrandece e movimenta a economia do cacau e chocolate.

No Festival do Chocolate IIOutras presenças marcantes no AgroChocolate foram os deputados Joseildo Ramos -PT-, Lidice da Mata -PSB- e Sandro Régis- DEM-, assim como os secretários estaduais de Desenvolvimento Rural, Turismo e Agricultura), respectivamente, Josias Gomes, Fausto Franco e Wesley Faustino, além do Chefe de Gabinete da Secretária de Desenvolvimento Rural, Jeandro Ribeiro, e o presidente da FAEB, Humberto Miranda.

35% de Cacau PuroA deputada Lídice da Mata continua na luta para garantir um percentual mínimo de 35% de cacau puro nos chocolates vendidos no Brasil. Para ela, aumentar a quantidade de cacau no chocolate é essencial por dois fatores: ampliar o espaço do produto brasileiro no mercado e alinhar a atual lei aos padrões já adotados em outros lugares do mundo, como Estados Unidos e alguns países da Europa. A proposta tem como principal meta tornar a divulgação do percentual total de cacau obrigatória na rotulação dos produtos – inclusive prevendo punições para os fabricantes e importadores que não cumprirem as novas normas. Lídice aproveitou o Festival do Chocolate de Ipiaú para dar visibilidade à campanha estampando na camiseta que vestia o slogan da proposta.

Com SuplicyA ipiauense Tereza Vidal teve a oportunidade de um feliz encontro com o ex senador paulista Eduardo Matarazzo Suplicy que além de celebre político brasileiro, fundador do Partido dos Trabalhadores, é competente economista, professor universitário e administrador de empresas.

Cogitado em UbatãEm entrevista ao programa “Primeira Página”, da Rádio Povo de Ubatã, o líder político Expedito Rigaud citou o ex vice-prefeito deste município, Wesley Faustino, como um dos três nomes de destaque para concorrer à Prefeitura nas eleições 2020. Wesley é especialista em Gestão Pública Municipal, exerceu os cargos importantes no Governo do Estado, na Prefeitura de Salvador e no próprio município, onde além de vice-prefeito na gestão 2013/2016 (primeiro mandato da prefeita Simeia Queiroz), comandou as secretarias de Agricultura e Desenvolvimento Rural; Meio Ambiente e Recursos Hídricos; e Cultura, Esporte e Lazer.

Poleandro no PCdoBO PCdoB de Ibirataia ficou mais fortalecido com a filiação do ex-veador Poleandro Silva que tem grande influência nos movimentos sociais do município e uma forte militância. O ato de filiação aconteceu na Câmara Municipal onde os comunistas já se encontram representados pelos vereadores Marquinhos e Bira da Topic. Poleandro chega trazendo outros reforços para o partido. São mais de 10 pessoas, dentre as quais lideranças populares. A solenidade foi dirigida pelo presidente do Diretório Municipal do Partido Comunista do Brasil, Carlito Ferreira, e por um representante do presidente da Comissão Executiva Estadual, Davidson Magalhães.

Waldemar Santana SampaioAos 88 anos de idade, completados no ultimo dia 30 de abril, o empresário e ex-vereador Waldemar Santana Sampaio é uma referência positiva na política local. Nasceu na Rua do Emburrado, cresceu trabalhando duro, foi aguadeiro, pedreiro, mestre de obras, quebrou pedra, vendeu ouro e relógios, fez um bom patrimônio, abriu loteamentos que se tornaram em populosos bairros, possibilitando a ampliação da cidade. Evangélico da PIB de Rio Novo, patriarca de uma numerosa descendência, ele se interessou pela política e foi um dos baluartes da direita ipiauense. Militou na antiga ARENA (Aliança Renovadora Nacional) e no PDS, exerceu quatro mandatos de vereador na Câmara Municipal, três dos quais sem remuneração, e foi duas vezes (1976/1982) candidato a prefeito deste município. Se fosse eleito, com certeza, faria uma administração exemplar. Também exerceu o cargo de Secretário Municipal de Obras e Infra-Estrutura.

Vem novas articulações por aí…Em Ibirataia, há quem diga que, os fiéis articuladores de campanha da Prefeita Ana Cléia (PSD), estão se digladiando novamente. De um lado, o ex-presidente do MDB local e atual PSD, o Engenheiro Agrônomo, Dorgival Neto e do outro, o ex-tesoureiro do MDB na Bahia e atual presidente do partido no estado, o empresário Alexsandro Freitas (Sandro Futuca), que, após ser exonerado da pasta de finanças e administração em 2018 por Ana, voltou a rondar o município na busca de novas uniões para 2020. Agora mais forte, presidindo estadualmente a sigla que angaria maior recurso em fundo partidário, por lá, parece que não será nada difícil ele encontrar interessados ao seu projeto para o próximo pleito. Nos bastidores, comenta-se seguidas visitas ao ex-Prefeito Marcos Aurélio (PP), a quem idealiza uma futura aliança com direito a indicação para a cadeira na ‘vice’. Nunca se sabe, mas, ao que tudo aponta, o aliado de Geddel, Futuca, não quer vingança com quem o maltratou, apenas parece querer esquecer e seguir sua vida ao lado dessas pessoas. Será que a atual prefeita amargará uma dose de vingança?

*Coluna produzida por José Américo Castro, com colaboração de Rahiana Costa

Comissões da Câmara solicitam informações à prefeita sobre pedido de empréstimo ao Desenbahia


Vereadores integrantes das comissões.

*Nota Ascom-Presidência da Câmara

Objetivando o andamento da tramitação do Projeto de Lei n° 008/2019 do Poder Executivo, que solicita autorização do Poder Legislativo para a contratação de empréstimo de 4 milhões de reais (R$ 4.000.000,00), junto ao DESENBAHIA – Agência de Fomento do Estado da Bahia, os vereadores Pery de Margarete, Emerson FIT, Simone Coutinho e Lucas do Social, representando as Comissões Permanentes de Finança e Justiça encaminharam ofício à Prefeita de Ipiaú solicitando informações para maior esclarecimento do projeto.

Esclarecem os citados vereadores que ao analisarem o referido projeto detectaram enorme deficiência acerca de informações, haja vista limitar-se a Prefeita de apenas a informar o valor a ser adquirido por empréstimo e o prazo de pagamento, sendo de 120 meses, ou seja, uma década, comprometendo assim mais de duas futuras gestões.

Informam ainda que após a Prefeita esclarecer as dúvidas, apreciarão o projeto e de logo se posicionam favoráveis à sua aprovação. Que apenas discutirão sobre o empréstimo após saberem o custo da obra, o impacto financeiro no município com a diminuição da capacidade econômica para a manutenção das obrigações financeiras e de serviços do Município, relatório contábil apontando a porcentagem de endividamento do Município, relação com nome e quantidade de ruas e bairros a serem contempladas, cópia do pedido junto ao Desenbahia e a minuta do contrato a ser assinado, haja vista não ser um recurso disponível ou tampouco uma emenda parlamentar e sim um empréstimo contraído para pagamento em 120 meses.

Grupo de vereadores justifica ausência em duas sessões seguidas na Câmara de Ipiaú


Foto: Giro Ipiaú

“Atropelo Regimental”. Essa é a justificativa do grupo formado por sete vereadores que faltaram duas sessões seguidas na Câmara Municipal de Ipiaú. Na manhã dessa sexta-feira, 03, os vereadores Naciel Ramos, Andreia Novaes, Orlando Santos, Cláudio Nascimento, Robson Moreira e Josenaldo de Jesus (Jô da AABB) convocaram uma coletiva com a imprensa local para explicar o motivo da ausência. O vereador Carlinhos não pôde comparecer na entrevista. O edil Cláudio Nascimento foi o porta voz do grupo e defendeu a espécie de retaliação nas sessões das últimas duas semanas ao fato da mesa diretora da Câmara infringir o regimento interno e não colocar em votação o Projeto de Lei nº 008/2019 que autoriza o Poder Executivo Municipal a contratar operação de crédito, junto ao Desenbahia, no valor de R$ 4 milhões para serem investidos em pavimentação de ruas em paralelepípedos e construção de praças públicas. Cláudio informou que o projeto foi lido no dia 04 de abril e já deveria ser colocado em votação. Na segunda-feira, 06, o grupo dos sete vereadores pretendem se reunir com o presidente da Câmara, Alessandro Moreira (San de Paulista), para discutir a situação e sugerir a realização de uma sessão extraordinária para a votação do projeto do Desenbahia e na sessão ordinária seguidas serem votadas as contas do ex-prefeito Deraldino Araújo, referente ao último ano do seu mandato. (Giro Ipiaú)

Ipiaú: Sete dos treze vereadores não comparecem pela 2ª semana seguida à sessão


Sessão da Câmara de Ipiaú foi suspensa novamente.

Pela segunda semana consecutiva, sete dos 13 vereadores não compareceram à sessão ordinária da Câmara Municipal. Na noite dessa quinta-feira, 02, o presidente do legislativo, vereador Alessandro Moreira (San de Paulista), abriu a sessão e como não havia quórum suficiente para a deliberação da ordem do dia, foi garantido o prazo regimentar de 15 minutos de tolerância (ver aqui). No entanto, os edís Cláudio, Robson Moreira, Orlando Santos, Carlinhos, Naciel Ramos, Jô da AABB e Andréia Novaes, não compareceram. Além desses, na sessão de ontem, o vereador Emerson Fit também não compareceu, mas justificou verbalmente a sua ausência. Os vereadores presentes criticaram a atitude coletiva dos sete colegas. “A gente se entristece com a política de Ipiaú. A gente não vê a preocupação de alguns vereadores que não estão aqui. Eu me sinto envergonhada com essa situação”, criticou a vereadora Simone Coutinho. “Eu acho que o voto que foi dado a cada um de nós merece respeito. Isso aqui é um trabalho”, comentou o vereador Edson. Ainda segundo o vereador as ausências seguidas dos sete vereadores ainda não foram justificadas.  Na sessão da semana passada e dessa última quinta-feira, 02, constava na ordem do dia a votação das contas do ex-prefeito Deraldino Araújo, referentes ao ano de 2016.

Nome de Rui cresce como aposta do PT para Presidência em 2022, diz coluna


Rui Costa pode ser aposta do PT.

Setores do PT estão defendendo que o governador da Bahia, Rui Costa, seja uma alternativa para concorrer à Presidência da República nas eleições de 2022. De acordo com a Coluna do Estadão, do jornal O Estado de S. Paulo, cresce no partido a turma que defende um maior protagonismo de Rui nos destinos do partido. Vale lembrar que a Bahia, governada por ele, é o maior colégio eleitoral do Nordeste. O governador tem, aos poucos, buscado ganhar mais relevância nacionalmente. Recentemente, tornou-se presidente do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste (Consórcio Nordeste) e é colocado como uma das figuras que pode trazer renovação de lideranças ao PT.

Sem quórum, sessão de votação das contas do ex-prefeito Deraldino Araújo é adiada


Contas são referentes ao exercício 2016.

A sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Ipiaú, da noite dessa quinta-feira (25), que votaria as contas referente ao último ano do mandato do ex-prefeito Deraldino Araújo, foi adiada por falta de quórum. Apenas seis dos treze vereadores compareceram. O presidente da Câmara, San de Paulista, abriu a sessão e conforme o regime interno aguardou por mais 15 minutos. Devido a ausência dos edis Cláudio, Orlando, Carlinhos, Andreia, Jô, Naciel e Robson, a sessão foi encerrada. Não foi informado o motivo da ausência do grupo da situação. Para ter continuidade era necessária a presença da maioria dos vereadores. Compareceram apenas San de Paulista, Pery, Fit, Lucas do Social, Simone e Edson.

 

Estava na pauta da sessão ordinária, as contas do Município de Ipiaú referente ao exercício 2016, de responsabilidade do ex gestor Deraldino Alves de Araújo. O Tribunal de Contas dos Municípios – TCM/BA, em sessão realizada no dia 23/10/2018, opinou pela aprovação com ressalvas das referidas contas. Após recebido o parecer prévio do TCM/BA, o presidente Alessandro de Jesus encaminhou cópia para todos os vereadores e o processo para a Comissão de Finanças, composta por Emerson Fit (presidente) Lucas de Jesus (secretário) e Jô da AABB(relator), que emitiu o parecer para votação nesta noite, opinando pela aprovação ou rejeição das contas. A próxima sessão ordinária acontece na quinta-feira, 2 de maio.

Ipiaú: Presidente da Câmara promulga 35 projetos de lei não sancionados pelo executivo


*Nota da Ascom/Câmara
O presidente da Câmara de Ipiaú, vereador Alessandro Moreira, promulgou nesta semana 35 projetos de lei que até a presente data não haviam sido sancionados pela prefeita de Ipiaú, Maria das Graças. Assim que assumiu a presidência, San determinou um levantamento minucioso da situação administrativa da Câmara, tendo na oportunidade diagnosticado que 35 projetos de leis aprovados pela Câmara e devolvidos ao Poder Executivo não haviam sido sancionados ou vetados. Em janeiro de 2019, o presidente da Câmara notificou a prefeita para que sancionasse as leis, o que não foi feito. Assim valendo-se dos poderes contido no Regimento Interno e Lei Orgânica, o presidente promulgou as lei e publicou no Diário Oficial expedindo a devida comunicação a Prefeitura. Dentre as leis promulgadas constam importantes projetos para população de Ipiaú (veja aqui).

Governo pretende aumentar para 40 pontos limite para suspensão da CNH


CNH pode mudar
O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, disse nesta terça-feira (9) que o governo pretende aumentar para 40 pontos o limite para o motorista ter a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa. Hoje, o motorista tem a carteira suspensa ao completar 20 pontos de infrações no período de um ano. A mudança na legislação será proposta pelo governo em um projeto que deve ser enviado ao Congresso nesta semana.  No mesmo projeto, o governo vai propor ainda a alteração do prazo de validade para renovação da CNH. Atualmente, o prazo de validade da carteira é de 5 anos. A proposta é aumentar para 10 anos até que o motorista complete 50 anos de idade. Após esse período, a renovação volta a ser feita de 5 em 5 anos. Pelo texto, a renovação da carteira só ocorrerá em prazo inferior aos 10 anos quando houver indícios de deficiência física, mental ou de progressividade de doença que possa diminuir a capacidade do motorista de dirigir. *Com informações do G1

Prefeita Maria das Graças busca apoio da Secretaria de Turismo para eventos culturais em Ipiaú


Foto: Divulgação
A Prefeita Maria das Graças, ao lado de sua filha Flávia Mendonça e do Diretor de Cultura e Eventos de Ipiaú, Marcelo Batista, esteve participando na noite desta segunda – feira (08), de mais uma reunião em Salvador, dessa vez, com o Secretário de Turismo do Estado, Fausto Franco, para tratar de demandas para a cultura do município. Na oportunidade, foi solicitado apoio para o Festival do Chocolate, Festival do Reggae, a requalificação do antigo Mercado Municipal para o Centro Cultural, onde contemplará o Museu do Lavrador, a Biblioteca Municipal e o Artesanato Local. *Por Rahiana Costa / Dircom Prefeitura