PM morre após ser baleado dentro de hotel em Salvador


Foto: Raphael Marques/TV Bahia

Um policial militar foi morto na noite desta sexta-feira em um hotel do bairro de Dois de Julho, em Salvador. Identificado como soldado Everaldo Costa Junior, 32 anos, ele era lotado na 16° Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Comércio), e foi morto baleado no rosto no Hotel Chavier, na Ladeira do Gabriel, por volta das 20h. A autoria e motivação não foram divulgadas pela polícia, mas a suspeita inicial é de crime de execução. O tiro foi registrado pelas câmeras de segurança. Há suspeitas de que o assassino disse, antes de disparar contra o soldado, “tá vendo que eu encontrei você?”. Ele mirou na cabeça do PM. O soldado chegou a ser socorrido ao Hospital Geral do Estado (HGE), mas já chegou à unidade sem vida.

Fotos: Divulgação

Imagens da câmera de segurança do hotel mostram quando o atirador passa, parecendo que vai sair, e então tira a arma e se vira, já apontando para o PM. Ele atira. Há outras três pessoas no local no momento do disparo. Um homem se joga no chão, outro sai rapidamente e uma mulher que estava na recepção primeiro se abaixa e depois deixa o local. *Com informações do CORREIO

Ex morador do Japomirim é uma das vítimas de chacina com 6 mortos em Lauro de Freitas


Foto: Cid Vaz / TV Bahia

Seis pessoas morreram por volta das 19h30 deste sábado (18) no bairro de Portão, em Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador. O crime aconteceu na rua Boca da Mata. Entre os mortos está Rogério Oliveira da Silva, de 36 anos. Os pais dele residem no distrito do Japomirim, localizado no município de Itagibá, ao lado de Ipiaú. Rogério era casado e morava em Lauro de Freitas. O corpo de Rogério foi velado numa funerária em Ipiaú. O corpo será sepultado na cidade de Jequié.

(Foto: Bruno Wendel/CORREIO)

Segundo a delegada Quitéria Maria Neta, que apura o caso, quatro homens a bordo de um carro atiraram, primeiro, em Pablo Ferreira dos Santos, 15 anos, na Travessa Santo Antônio, por volta das 19h. Após balear o adolescente, o grupo seguiu com o veículo para a Rua Boca da Mata. Ainda de acordo com a delegada, ao chegar no local, os homens dispararam contra uma mulher e os dois sobrinhos dela que estavam na porta de casa.

Rogério estava próximo ao local dos tiros e foi atingido.

As vítimas foram identificadas como Raimunda dos Santos, 35 anos, Raiane Santos, 12, e Guilherme da Silva, 19. Na ação, Arthur Moreira, 23, e Rogério da Silva, 36 anos, que estavam no local, também foram baleados. A delegada ainda informou que o Samu foi até o bairro e encaminhou as vítimas para o Hospital Menandro de Faria, na mesma cidade, mas elas não resistiram aos ferimentos. Segundo a Polícia Militar (PM), agente policias fizeram rondas pela região, mas ninguém foi localizado. Até a manhã deste domingo (19), ninguém havia sido preso. Não há informações sobre motivação e autoria do crime. O caso é investigado pela 34ª Delegacia de Portão. *Com informações do G1

Bahia: Assessora parlamentar é morta a facadas pelo próprio filho


Foto: Reprodução/Bocão News

A assessora parlamentar Janice Neves Nascimento Monteiro, 45 anos, foi morta a facadas pelo próprio filho, na tarde desta terça-feira (14), no município de Paulo Afonso, localizado a cerca de 400 km de Salvador. Segundo o site PA4, Rafael Patrício Neves Barbosa, 21 anos, queria dinheiro da mãe para comprar droga e, após uma rápida discussão, desferiu vários golpes de faca na vítima. O crime ocorreu no Conjunto Habitacional Amanda Moraes, no Bairro Barroca. Janice morreu no local e Rafael, mais velho dos cinco filhos da vítima, foi preso em flagrante pela polícia militar. *As informações são do Bocão News

Facções usam redes sociais para divulgar torturas na Bahia


Foto: Reprodução/CORREIO

Não basta ameaçar, humilhar, espancar, torturar e até matar. A barbárie tem que ser filmada e lançada nas redes sociais por traficantes que atuam em todo o estado. Os vídeos são as armas do mundo virtual usadas para aumentar a reputação da facção sobre os rivais e promover o terror nas comunidades dominadas. O CORREIO teve acesso a alguns vídeos. Dois deles tratam da mesma situação, com alguns trechos distintos. São cenas fortes do chamado “tribunal do tráfico”, onde a “sala de audiência” é a via pública e que acontece a qualquer momento, sem que ao menos os “réus” sejam previamente avisados. Foi o que aconteceu com duas mulheres no bairro de Tancredo Neves, em Salvador, no último mês de abril.

As mulheres apanham porque teriam levado ao local pessoas que não pertenciam à comunidade do Buracão, localizada atrás do Conjunto Habitacional Arvoredo, região onde as imagens foram gravadas. Em um outro vídeo, um rapaz apanha de pelo menos quatro homens, que se revezam ou atacam ao mesmo tempo com pauladas, chutes e murros. A imagem começou a circular em janeiro deste ano, na cidade de Simões Filho, Região Metropolitana de Salvador (RMS). Em um terceiro vídeo, duas mulheres são espancadas porque anteriormente brigavam entre si em dezembro do ano passado, na cidade de Maragojipe, no Recôncavo. Ao final, atordoadas, ensanguentadas e com os cabelos abruptamente cortados, elas sinalizam que aprenderam a lei do tráfico local, que pune severamente a briga entre moradores. Leia mais no CORREIO

Assassinatos caem 24% no 1º trimestre do ano no Brasil


Foto: Reprodução

O Brasil registra uma queda de 24% nas mortes violentas no primeiro trimestre deste ano em relação ao mesmo período do ano passado. É o que mostra o índice nacional de homicídios criado pelo G1, com base nos dados oficiais dos 26 estados e do Distrito Federal. Isso quer dizer que o país teve 3,2 mil mortes violentas a menos em janeiro, fevereiro e março deste ano em relação a 2018. O número de assassinatos, porém, continua alto. De acordo com o levantamento feito pelos repórteres do G1, houve 10.324 mortes violentas no primeiro trimestre deste ano. Apenas o Paraná não informa os dados deste intervalo de tempo. Já no mesmo período de 2018, houve 13.552 assassinatos — também desconsiderando o Paraná, para que seja feita a comparação.

A tendência de queda nos homicídios do país foi antecipada pelo G1 no balanço dos dois primeiros meses do ano, que apresentaram redução de 25% em relação ao mesmo período do ano passado, e no balanço das mortes violentas de 2018, que teve a maior queda dos últimos 11 anos da série histórica do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, com 13%. Os levantamentos fazem parte do Monitor da Violência, uma parceria do G1 com o Núcleo de Estudos da Violência da USP e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Três jovens são baleados dentro de casa no centro de Ipiaú


Foto: Giro Ipiaú

Três homens foram baleados em um atentado por volta das 17h desse domingo, 12, no centro de Ipiaú. As vítimas estavam dentro de uma casa na Travessa Carlos Borges de Souza. De acordo com informações apuradas no local pelo GIRO, o atirador chegou na garupa de uma motocicleta. Após um dos ocupantes do imóvel abrir a porta, o criminoso iniciou os disparos atingindo uma das pernas de Irlan Ribeiro Damascena, de 17 anos, uma das pernas de Edson de Oliveira Lima Neto, de 20 anos, e o peito e perna de um jovem identificado até o momento pelo prenome de Lucas. As vítimas foram socorridas pelo Samu. As vítimas devem ser encaminhadas para o HGI e Hospital Geral Prado Valadares, em Jequié. Moradores da localidade disseram que ouviram vários disparos de arma de fogo. Além dos três baleados, na casa ainda estavam duas jovens que não se feriram na ação criminosa. A motivação do atentado será investigada pela Polícia Civil. (Giro Ipiaú)

Secretaria lançará programa nas escolas para reduzir violência contra mulher na Bahia


Foto: Reprodução

Para reduzir os índices de violência contra mulher na Bahia, a Secretaria de Políticas para as Mulheres lançará um programa nas escolas sobre a temática em parceria com a Organização das Nações Unidas (ONU), segundo a titular da pasta, Julieta Palmeira. Ao Bahia Notícias, a secretária afirmou que o programa será anunciado no segundo semestre deste ano e será batizado de “Valente não violenta”. “Em todas as escolas de ensino médio da Bahia, em parceria com a Secretaria de Educação, nós vamos dar subsídio sobre como abordar a violência contra a mulher em sala de aula”, declarou, em entrevista ao Bahia Notícias.

Só, nos primeiros três meses deste ano, 3.020 casos de violência contra a mulher foram registrados em Salvador, o que provocou a criação de uma campanha institucional voltada para reduzir os números (lembre aqui). Para Palmeira, é preciso tomar três medidas para combater os crimes: fortalecer a rede de segurança para as vítimas, combater a cultura machista com propagandas e garantir autonomia financeira para as mulheres. “Muitas vezes a mulher é violentada e volta para a casa porque não tem como sobreviver”, pontuou. Para fortalecer a rede de segurança, o governo vai ampliar o número de delegacias especializadas e também criar espaços para atender estes casos nas delegacias comuns, segundo a secretária. Também quer incentivar que a Justiça obrigue os autores do crime, em casos de reincidência, a usarem tornozeleiras. As mulheres teriam ainda um “botão do pânico” para também combater a violência.

Morador de Ipiaú é morto a tiros no distrito do Japomirim


Morte foi confirmada por uma equipe do Samu (Foto: Giro Ipiaú)
Mais um homicídio registrado na região de Ipiaú deixa a comunidade assustada com o aumento da violência nos últimos três dias. Na noite desse sábado, 20, por volta das 19h10, um motociclista foi assassinado a tiros na Rua Esmeralda Rocha Passos, no distrito do Japomirim, ao lado da cidade de Ipiaú. A localidade é pouco movimentada e moradores afirmam terem apenas escutado cerca de dez disparos de arma de fogo.

Crime foi registrado na Rua Esmeralda Rocha Passos (Foto: Giro Ipiaú)

O mototaxista identificado como Firmino Lino dos Santos Júnior, de 30 anos, morador do bairro Euclides Neto, em Ipiaú, caiu sobre o veículo e morreu no local. A morte foi constatada pelo Samu. Conforme apurou nossa reportagem, o mototaxista tinha participado de uma roda de capoeira e foi ao local dá um recado para um amigo. Firmino era casado e deixa um filho de seis meses e outro de três anos. Segundo um amigo da vítima informou posteriormente ao GIRO, Firmino trabalhava em uma empresa de cacau em Ipiaú e nas horas vagas exercia a função de mototaxista. O crime será investigado pela Polícia Civil.

Autor dos disparos não foi visto pelos moradores (Foto: Giro Ipiaú)

Ressalta-se que na manhã desse sábado foi encontrado boiando no Rio de Contas, no distrito do Japomirim, o corpo com os pés amarrados e sem a cabeça. As autoridades policiais atribuem o aumento na violência nesses dias ao Saidão da Páscoa. Na última quarta-feira, mais de 60 detentos foram beneficiados e poderão retornar à unidade prisional até às 18h da próxima quarta-feira. (Giro Ipiaú)

*Matéria atualizada nesta segunda-feira, 22 de abril

Grupo armado assalta taxista em Ipiaú


Táxi foi abandonado na rodovia Ipiaú-Jitaúna (Foto: Reprodução/Redes Socais)
Um taxista foi vítima de um assalto na noite dessa quarta-feira, 17, na cidade de Ipiaú. Cinco passageiros (três homens e duas mulheres) solicitaram o serviço do táxi na Praça do Cinquentenário. O taxista conhecido como Sandoval informou à nossa reportagem que o grupo pediu a corrida dizendo que o destino final era próximo a fábrica de polpas Doce Mel, saída de Ipiaú sentido Jitaúna. Ao chegar no destino indicado, o taxista, ao descer do veículo para abrir as portas dos passageiros, foi surpreendido por um dos indivíduos, que estava sentado no banco de trás, e que saiu do veículo armado, anunciando o assalto e mandando o motorista entrar no automóvel novamente. O taxista correu em direção a um matagal às margens da rodovia onde se escondeu. O grupo fugiu em seguida com o táxi modelo Siena, de cor branca. O veículo foi abandonado a cerca de 4 quilômetros depois, no acostamento da rodovia sentido Jitaúna. 
Veículo foi apresentado pela PM na delegacia local (Foto: Giro Ipiaú)
Ao ser acionada pela vítima, a Polícia Militar enviou de imediato a Guarnição Delta do PETO que ainda realizou buscas pelos suspeitos numa estrada vicinal, próximo onde foi abandonado o carro, mas não conseguiu localiza-los. A chave do táxi foi deixada pelos criminosos no painel do veículo. Cerca de cem reais que estavam no carro foram levados pelos assaltantes. Sandoval revelou que na madrugada dessa quarta-feira, 17, acordou assustado após um pesadelo em que ele estava ajoelhado e um homem com uma arma apontada para sua cabeça. Após o episódio, ele disse que pretende abandonar a profissão. “Vou orar a Deus para arrumar outra coisa para trabalhar”, comentou.
Em 2015, o taxista teve o seu veículo incendiado durante uma corrida na BR-330.
Em dezembro de 2015, Sandoval sobreviveu a um acidente na BR-330, trecho entre Ipiaú e Jitaúna. As chamas de um incêndio às margens da rodovia atingiu o táxi que ele conduzia e acabou destruindo totalmente o veículo. Sandoval transportava uma passageira quando a fumaça tomou a pista e provocou a colisão entre o veículo conduzido por ele e um carro que seguia na mão contrária. Sandoval e a passageira conseguiram sair ilesos do veículo incendiado. (Giro Ipiaú)