Polícia desmonta esquema de falsificação de documentos e cartões de crédito em Conquista


Foto: Divulgação

Um esquema de falsificação de documentos, abertura de contas bancárias e emissão de cartões de crédito foi descoberto por causa de uma denúncia anônima recebida pela Cipe Sudoeste (Caesg), nessa quinta-feira (25). Na casa indicada pelo denunciante, a polícia encontrou o suspeito de falsificação, Geraldo Almeida. No imóvel foram apreendidos vários documentos falsos: carteiras de habilitação, identidades, CPF’s, títulos de eleitor, carteiras funcionais e certificados. Ainda segundo a polícia, Geraldo revelou quem seriam os demais integrantes do esquema, inclusive um contador, um taxista e um funcionário de uma grande rede de lojas de eletroeletrônicos. A Polícia acredita que esse funcionário seria o responsável em facilitar a emissão dos cartões na empresa onde trabalhava.

De acordo com a polícia, dados de pessoas de todo país eram utilizados pelos integrantes do esquema. O prejuízo às vítimas e a rede de lojas ainda não foi dimensionado. Há suspeita que outros funcionários da rede, inclusive um gerente, possam estar envolvidos no esquema. Durante as diligencias, Geraldo teria revelado a polícia que no dia anterior foi com o suspeito Arnulfo José entregar uma CNH falsa para um foragido da Justiça. Esse criminoso foi localizado Pela Caesg. Segundo a polícia, ele resistiu a prisão e acabou morto. O criminoso foi identificado como sendo Diego Divino Alves da Silva, condenado pela Justiça Baiana, foragido da Justiça de Rondônia e especialista em desarme de alarmes de bancos e caixas eletrônicos. De acordo com a polícia civil, os envolvidos no esquema de falsificação de documentos e emissões de cartões de créditos serão indiciados por estelionato, falsificação de documentos públicos e formação de quadrilha. Foram presos: Geraldo Almeida Queiroz, Arnulfo José de Souza Neto, Adriano Abreu Silva e Danilo Frutuoso Figueiredo.