Ipiaú: Funcionários demitidos da QG cobram direitos trabalhistas


A empresa presta serviços a embasa em Ipiaú.

Um grupo de nove funcionários demitidos da empresa QG, prestadora
de serviços a embasa, protestaram na manhã desta sexta-feira(21) em frente ao
canteiro de obras da empresa, localizado no bairro ACM. Os ex-funcionários,
desligados da empresa no dia 28 de fevereiro, após trabalharem por mais de dois anos, alegam que ainda não receberam os
pagamentos referentes ao período de serviços prestados a empresa. De acordo com
Silas Santos Batista, 31, diretor do SIND´RIO (Sindicato dos trabalhadores em Construção Civil)
em Ipiaú, eles já entraram em contato várias vezes com os responsáveis, mas até
o momento ainda não houve uma previsão de pagamento. Ainda de acordo com Silas,
um grupo demitido no final do mês de janeiro, começou a receber os direitos
trabalhistas nesta quinta-feira(20). A QG não foi encontrada pela nossa
reportagem para comentar o assunto. (Giro em Ipiaú)