Ipiaú: Estudante de 17 anos é aprovada para medicina em várias universidades do país


Vitória escolheu a UFBA para cursar medicina.

A jovem Vitória Lima Muniz Ferreira, de 17 anos, da cidade de Ipiaú, filha da professora de Biologia, Lucy Lima, e do empresário Edilson Muniz (Gordo), obteve uma boa pontuação no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), o que lhe garantiu uma vaga no disputado curso de Medicina. A sua nota, na ampla concorrência, lhe permitiu escolher onde fazer o curso de medicina, entre elas, UFMT (Universidade Federal do Mato Grosso), UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul ), UFCG (Universidade Federal de Campina Grande), UPE (Universidade Pernambuco), UFVJM-MG (Universidade Federal Vale do Jequitinhonha), entre outras.

Porém, Vitória optou pela UFBA (Universidade Federal da Bahia), por estar mais próxima da família. Além do bom desempenho na redação, onde obteve 960 pontos, pontuou bem nas provas de Matemática e de Ciências da Natureza. A jovem aluna, que estudou no Colégio Santo Agostinho, também foi aprovada na concorrida Faculdade Baiana de Medicina.

Ciente de que queria fazer o curso de medicina, desde os 8 anos de idade, sempre foi focada, estudiosa e disciplinada. Ela atribuiu essa conquista a Deus, ao apoio da família, aos bons professores e ao ritmo intenso de estudos. Estudava diariamente, elaborava constantemente redações, resolvia questões de simulados e de exames anteriores, além de treinar o tempo. Recusava festas, convites e acessava pouco as redes sociais. Parece um sacrifício para muitos, mas para ela era questão de prioridade. “Não era o sonho que me movia, mas a fé e a determinação em alcançá-lo”, resumiu a jovem estudante.

Mais de 92 mil candidatos não fizeram as provas no 1º dia de Enem na Bahia


Foto: Reprodução

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 teve abstenção de 23,4% na Bahia, no primeiro dia das provas, realizadas no domingo (3). Os dados foram divulgados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O percentual de ausências corresponde a 92.695 pessoas que não fizeram as provas.

O índice é menor que o balanço final de 2018, quando foi registrada ausência de 23,5% dos candidatos inscritos. Os dados são maiores que a média nacional de ausências no primeiro domingo deste ano, que ficou em 23%.

Em todo o estado, 395.437 candidatos se inscreveram para fazer a prova. Deste total, 302.742 compareceram aos locais de provas, sendo um total de 76,6% de candidatos presentes. A Bahia fica em 3º lugar no ranking de presenças no Enem 2019, atrás de São Paulo e Minas Gerais, no primeiro dia de provas.

Enem terá prova piloto por computador em 2020 e será 100% digital até 2026


O MEC (Ministério da Educação) anunciou nesta quarta-feira, 03, que começará a aplicar a prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) por meio digital em 2020. A aplicação, segundo o ministério, acontecerá em modelo piloto: a prova será oferecida de forma opcional a 50 mil alunos de 15 capitais brasileiras no ano que vem e atingirá 100% das provas em 2026. “Este ano, a aplicação do Enem é normal, em papel, mas vamos começar o preparativo para o piloto digital em 2020”, disse o presidente do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), Alexandre Lopes. O Enem digital será aplicado nos dias 11 e 18 de outubro de 2020. Já a prova tradicional, em papel, será realizada nos dias 1º e 8 de novembro do ano que vem. (mais…)

Bahia é o estado do Nordeste com maior nº de inscritos no Enem e 3º do país


Foto: Reprodução

A Bahia é o estado do Nordeste com maior número de inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 e o terceiro do país, segundo informações divulgadas nesta quarta-feira (29) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). De acordo com um levantamento do órgão, o estado teve 395.438 mil estudantes inscritos, ficando atrás apenas de São Paulo, com 816.015 mil participantes, e Minas Gerais, que teve 534.645 mil interessados no exame. Entre as regiões do Brasil, a maior parte dos inscritos está no Sudeste (35,2%), seguido por Nordeste (34,2%), Norte (11,7%), Sul (10,6%) e Centro-Oeste (8,3%). Em todo o país, foram 5,09 milhões de inscrições confirmadas, a menor taxa desde 2010.

Mais de 369 mil baianos já estão inscritos no Enem; prazo acaba nesta sexta-feira (17)


As provas serão realizadas nos dias 3 e 10 de novembro.

As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 serão encerradas nesta sexta-feira, dia 17, às 23h59. Até a tarde desta quarta-feira, 15,, 369.949 estudantes baianos já haviam se cadastrado para fazer a prova. O número representa 8% do total de 4.642.943 candidatos já inscritos em todo o Brasil. Os dados são do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão responsável pela realização do exame. Apesar do número parecer pequeno, se comparado com os inscritos da última edição do exame na Bahia, as adesões, segundo o Inep, seguem dentro da normalidade. Em 2018, o órgão confirmou 398.490 baianos inscritos no Enem. O número de alunos já inscritos para a edição 2019 alcança 94,5% desse total.

A taxa de inscrição para o Enem 2019 é de R$ 85. Quem não obteve ou não pediu a isenção da taxa deverá fazer o pagamento até o dia 23 de maio em agências bancárias, casas lotéricas e Correios. Já os cartões com informações do local de prova para cada aluno chegam nos endereços indicados a partir de outubro. As provas do exame serão aplicadas em dois domingos consecutivos, nos dias 3 e 10 de novembro. *Com informações do CORREIO